31 de janeiro de 2019

Brumadinho, descaso e destruição.

Oi Girls and boys, Vi, escrevendo.. 


Queridas e queridos não sei definir minhas emoções diante dos fatos, não sei se é revolta, raiva, incredulidade, fico pensando, isso é um pesadelo e vamos despertar.

Acordei na quarta-feira e na rádio o jornalista Augusto Nunes, comentava a tragédia e falava sobre o salário do presidente da Vale, fiquei chocada.


Cinco milhões de reais por mês.


O salário mínimo é R$ 998.00, a bolsa família é R$ 89.00 e mais um adicional por dependentes pode chegar até R$ 215.00.


Estou dizendo isso, para vocês notarem a que ponto chegou nosso país, entre a pobreza extrema e a riqueza.


Mas o pior é o descaso com o ser humano, segundo esse jornalista esse tipo de barragens, não é utilizado em países que fazem o mesmo tipo de mineração, é considerada ultrapassada.


Uma empresa tão lucrativa, que pode pagar salários astronômicos aos seus diretores e presidentes, não poderia investir na melhoria das barragens para promover segurança de vidas e do meio ambiente?


Deixo o link do vídeo do Augusto Nunes para vocês assistirem e deixo essa charge, que nos faz pensar sobre o salário do presidente da Vale e a doação que vão dar para as vítimas do descaso de Brumadinho.




Vou me despedindo de vocês

Obrigada pelo carinho e Atenção ..
 muitos beijos ..
Meu carinho para vocês:
Tchau,Vi

4 comentários:

  1. Oi Vi, vou confessar que estou mudando de canal quando o assunto é Brumadinho... Não aguento mais ouvir, sempre choro bastante vendo tantas famílias destruídas, a fauna e flora devastada e ver que a história se repeti como em Mariana. Dá uma revolta sabe, morar num país tão rico como o Brasil, mas que as leis só servem para os pobres, lembro de um homem (acho que era um pescador que perdeu alguém da sua família) que deu uma entrevista e falou mais ou menos assim: "Agente se pegar uma piaba do rio vai preso, eles destroem uma cidade inteira e nada acontece", nossa como isso é triste, ter a certeza que a lei aqui só serve para os pobres e oprimidos... Deus até quando? É muito sofrimento, é muito revoltante. Um xeru!

    Sandra
    https://pedacinhobysandra.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Embarquei junto no sofrimento pela tragédia. É tanta tristeza e revolta, mexeu demais comigo. No dia seguinte, não parava em pé. Ainda tratando a labirintite que apareceu assim, junto com essa dor pelas vidas, pelas famílias, pela natureza, pelo mesmo acontecendo de novo...Deus nos ajude!
    Beijos, Ana

    ResponderExcluir
  3. Oi Vi, triste que tudo se repita e dessa vez com tantas perdas humanas...quase que num piscar de olhos (para as vítimas) porque para os grandes empresários ouve tempo e dinheiro suficiente para que fosse evitado. Mas tudo funciona conforme os interesses deles...políticos, pessoas corruptíveis...
    Montam um gabinete de crise, todos comentam, se indignam, outros "eventos" se sucedem e acaba tudo no esquecimento ou a passos de tartarugas.
    Será que dessa vez as coisas serão diferente? Tomara!
    Pelo menos em relação ao atendimento às vítimas parece que nos primeiros tramites melhorou em relação ao crime de Mariana, mas o que queremos é que não aconteça.

    Vou deixar uma dica de um vídeo no youtube que vi e achei muito interessante em relação a valor das "coisas".
    BRUMADINHO E O PREÇO DA VIDA HUMANA Canal do Henry Bugalho

    Abraço e bom final de semana!




    ResponderExcluir
  4. Penso que era uma tragédia anunciada, pois nada foi feito após a tragédia de Mariana. Espero sinceramente que sejam tomadas providências para que nunca mais tantas vidas se percam. A diferença salarial é gritante, vivemos em um país de desigualdades... Quero ter esperança de ver um país melhor para as gerações futuras. Um grande beijo

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Subir