sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Tudo que é teu, é meu! (parte 4)

Oi Girls and boys, Vi, escrevendo..

Queridas e queridos parece que fiquei empolgada com esse assunto?
Já estamos na quarta parte, esta virando uma mini série.
Mas tem um detalhe, quando eu penso que acabou, leio um comentário de vocês e lembro, tem mais isso, e isso. 

Vocês já observaram que na rede social a maioria das pessoas parecem ser ricas e felizes?

Sabemos que a vida real não é bem assim, a maioria das pessoas não gostam de ficar falando das suas lutas, das suas dores, preferem mostrar a parte boa da sua vida.



Tem algo errado nisso?

Para as pessoas normais, não.
Mas para aquelas pessoas que estão procurando alguém para carrega-las nas costas, esse comportamento vai ser explorado.

A pessoa entra no ônibus ou metrô, entra o vendedor ambulante (ou pedinte) e fala: eu podia estar roubando, matando, mas estou aqui pedindo sua ajuda.
Primeiro, ele não está pedindo, está te ameaçando.
Na concepção dele, você que paga uma passagem de ônibus, tem um emprego é rica, portanto tem uma divida histórica com ele que é pobre.

Porque comentei isso, porque nas redes sociais tem gente com comportamento parecido.

Sabe aquelas pessoas que cismam de fazer caridade com chapéu alheio, adotam 20 cachorros, sem condição de cuidar nem de meio cachorro e depois fica pedindo ajuda para comprar ração e quando não recebe ajuda, fica falando que as pessoas são ruins , egoístas e etc.



Ainda falam o quanto estão sacrificando a vida delas, nem estão pedindo para pagarem por ela cuidar dos cachorros, só estão pedindo ração, remédios e etc, e as pessoas sem coração não colaboram.

Essas pessoas avaliaram que os amigos eram ricos e que podiam ajudar, comprar ração, mas cada um sabe como tem que administrar seus recursos, e prioridade tem a nossa família, a nossa casa, depois se sobrar decidimos quem, como e se queremos ajudar .

Mas o pior é quando tem a ameaça velada ou uma praga, tem uns que ficam até "urubuzando" sua vida, tipo: não me ajudou comprar ração, bem feito, foi assaltado, apanhou e levaram o iphone dele.

Frase ameaçadora: aqui se faz, aqui se paga!
No dia que eu ver os políticos pagando, vou acreditar nessa frase.

No post da semana passada a Karine comentou sobre ser convidada para ser madrinha (padrinho), no caso dela foi de batismo, mas de casamento também dá muita dor de cabeça.



Eu nunca fui, mas teve um colega que convidou toda a turma da escola para seu casamento, o convite veio com aquele lembrete, lista de casamento em uma loja ultra chique do shopping.

Ele devia ver todos colegas dele ricos e pensou o que é um presentinho daquela loja chique no shopping para esses milionários?

Tem gente que não compra nada quando decide casar, nem aluga casa, ele espera receber tudo dos padrinhos, geladeira, fogão, guarda-roupa, e seis meses de aluguel, por isso convida no minimo vinte padrinhos que ele avaliou serem ricos e ter uma divida histórica com ele.

Você olha lá no altar e vê um aglomerado de pessoas, só distingue a noiva no meio da multidão, porque é regra, que no casamento só a noiva esteja de branco.

E como falei sobre aluguel de imóvel, já conheci muita gente que teve que pagar dividas de parentes e amigos porque foram fiadores.


Vou me despedindo de vocês

Obrigada pelo carinho e Atenção ..

muitos beijos ..


Meu carinho para vocês:
Fotos: Pinterest

Tchau,Vi





17 comentários:

  1. Ahhh, sobre ser fiador... isso sim é dor de cabeça!! Meu pai quase perdeu a casa por causa de um cunhado que sonha em ser empresário, mas a vida toda trabalha mais que os empregados, é passado pra trás por todo mundo e quem paga o sonho dele? o resto da família.Felizmente foi renegociado umas 4 x , até que conseguiram fazer ele desistir do sonho de ser patrão. Infelizmente quem vem pedir só é humilde quando está na situação de pedinte, depois que consegue ou depois que recebe um não, transforma-se em arrogante como se nós devêssemos a eles. Sim, Vi, esse assunto ainda vai muito longe. Sobre os padrinhos de casamento, já vi amigos serem convidados e nem tinham afinidade com os noivos, nunca tinham sequer se visitado. Surreal. Beijão!!

    ResponderExcluir
  2. Vi, isso é história para não acabar nunca mesmo. Qualquer um de nós já passou por algo parecido ou viu alguém ser vítima dessas coisas... essa dívida histórica é uma perseguição.

    ResponderExcluir
  3. Eu poderia escrever um comentário enorme como resposta, mas prefiro ficar calada porque concordo até com a virgula do que escrevestes...é muito abuso, cara de pau , sei lá.....mas vou rir bastante imaginando a cara do povo folgado lendo sua postagem ..kkkkkkkkkkkkk

    bjsssssssssssss e belo dia!

    ResponderExcluir
  4. Conheço uma.pessoa que escolheu a dedo os padrinhos. Só escolheu de um lado da família porque tinham condições de dar presentes caros. Rsrs

    ResponderExcluir
  5. Conheço bem esse tipo de gente....é muito complicado lidar com isso, na verdade é fácil, dependendo do grau de relacionamento eu me afasto....mas meus dedos coçam e eu não consigo ficar quieta, kkkk, passei por uma situação parecida tem alguns anos, marido fofo foi convidado pra ser padrinho da sobrinha ( tá, legal!!), mas a madrinha vai ser outra , ( ótimo, não tenho intimidade, nem sei quem é a sobrinha...), 1 mês antes, como marido ainda não tinha se manifestado com o presente, o irmão ligou perguntando se ele podia ao invés do presente ajudar com dinheiro (oi???), kkk, gente ficamos sem ação, e acabamos contribuindo com um valor x ( tipo uma geladeira). Depois disso, marido disse que não vai mais ser padrinho de ninguém, até pela falta de consideração comigo...enfim, povinho sem noção esse.
    Grande beijo.

    ResponderExcluir
  6. Só pra completar, pergunta quantas vezes fomos convidados para ir a casa do casal? Nenhuma. E isso já tem quase três anos.

    ResponderExcluir
  7. Pior é quando o convite para ser padrinho de casamento já vem fechado com o presente que deve ser dado ao casal "cara de pau". Tô fora desse negócio de padrinho, pois a pessoa já te olha com cifrão no olho kkk... Bj

    ResponderExcluir
  8. Arrasou heim Vi. É bem assim, a pessoa não convida para padrinho porque gosta da pessoa, mas para receber um presente maior do que o bolso. Ainda tem aqueles que pedem o presente que querem. Um horror, sem noção de tudo. Depois do casamento a amizade esfria muito. Bjus

    ResponderExcluir
  9. Eita assunto pra render! E quando convidam seu marido pra padrinho e você não? Isso exziste, como diria o padre, rsrs
    Beijinhos,Ana

    ResponderExcluir
  10. Pior que é bem assim mesmo..e pior ainda é que a gente sabe que esta sendo usada e por educação la vamos nós..
    Mas quando fui convidada pra madrinha e não dei o presente que pediram fui ignorada até na festa isto porque era sobrinho rsrs isto nos faz perceber que só falam que gostam se fazemos o que querem...resumindo não fui mais convidada pra ser madrinha de ninguém.. rsrs

    ResponderExcluir
  11. Oi boa noite meninas adorei como sempre o texto é tudo uma grande verdade beijos e um bom findi.
    Eliane Lima

    ResponderExcluir
  12. Tudo certíssimo!!
    Cá pra nós, esse negócio de dívida histórica enche as medidas, é um fardo...quem tem dívida com a sociedade são os politicos.
    Beijão Vi.

    ResponderExcluir
  13. Vi
    no Metro daqui, tem muito camelo vendendo tudo o que se pode imaginar. Nessa hora eu fico olhando para o chão, sequer ouso olhá-lo. Pois logo vem a insistência.
    E sabe, eu sai do Facebook. Eu podia deletar a pessoa mas não quis. Motivo: pedia dinheiro. E eu cai. Fiquei com pena. Depois descobri que isso era recorrente. Que a pessoa fazia uma lista de mensalidade. E pensando se fiquei livre ? Agora é no trabalho. É doação para bancar o funeral do gato e outra por necessidade.
    Né fácil não.
    Concordo com você um carregamento nas costas !!!

    beijos

    ResponderExcluir
  14. Essa dos cachorros eu conheço de perto. Quanto a ser madrinha, já inventei uma desculpa para não ser madrinha de uma criança cuja mãe acha que o mais importante em qualquer presente é a marca .
    Por favor, não termine essa série. Estamos adorando porque é muito bom saber que não estamos sozinhos nesse mundo de pessoas sem noção.

    ResponderExcluir
  15. Oi, estou passando por isso, pago meus pecados de outras vidas desde que aceitei ser madrinha de um sobrinho.
    Fui visitar parentes e voltei com uma mala a mais que, se depender dos pais, fica para sempre. Paciência!
    E quando certas pessoas vivem te lembrando até do aniversário do gato da vizinha só visando $$ e igonoram o nosso?
    Comprar um carro! Vira taxista, afinal, passagem tá uma fortuna e você pode bancar combustível.
    É cada uma!

    ResponderExcluir
  16. Ôpa, taxista não, motorista particular!

    ResponderExcluir
  17. O velho oportunismo de querer jogar para o outro o ônus de nossas escolhas, né não!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo