sexta-feira, 17 de maio de 2013

Sogras, são fadas, bruxas, ou simplesmente, mulheres?

Oi Girls and boys, Vi, escrevendo..

Queridas e queridos, quero pedir desculpas, pois estou atrasada em visitar os blogs de vocês..

Queria tomar um "chazinho" com vocês, ver as novidades que vocês estão fazendo, mas alguns compromissos e uma gripe, atrasaram meus planos..



Mas já estou me sentindo um pouco melhor, portanto, me aguarde para o "chá da tarde" em seu blog, kkkkkk.



Viram o título?

Esse é um assunto, que dá muito "pano pra manga"...

Causa muita polemica, raiva, ódio.. e qual a causa de tudo isso?

Essa semana por causa da gripe, li um livro fácil, divertido, e que trata desse assunto que interessa a maioria das pessoas, porque com exceção dos "solitários" e de quem não tem filhos, as demais pessoas vão ter sogra(o) ou vão ser sogras (os)...

O Livro é : Nós, as sogras de Christiane Collange, com 195 paginas.



As mulheres tomam a palavra e falam dos limites e dificuldades de viver este papel tão delicado

Nada fácil ser uma sogra. Mesmo que o mundo tenha evoluído, as sociedades tenham mudado seus valores, o papel da Sogra e os preconceitos que pesam sobre sua figura não parece ter sofrido tantas modificações historicamente.

Fruto de sua experiência – ela tem quatro filhos homens e quatro noras, a escritora e jornalista Christiane Collange decidiu conduzir uma pesquisa sobre esta relação tão delicada.

Autora de inúmeros livros sobre as mulheres e as relações familiares, ela foi escutar mais de uma centena de Sogras em toda a França, convidando-as a falar sobre suas relações com as novas famílias formadas por seus filhos.

A constatação final é inapelável: a relação sogra/nora não é nunca fácil para ambas as partes!

O livro apresenta inúmeras situações de confronto emocional e até mesmo as anedotas – freqüentemente trágicas, mas das quais conseguimos rir –, onde cada um(a) poderá se reconhecer. Mas iremos encontrar também algumas pistas preciosas para se ter um bom relacionamento com noras, genros, filhos casados e netos. E assim, podermos usufruir mais integralmente os prazeres dos “domingos em família”.




Nesse link, vocês podem ler o primeiro capitulo do livro.
E nesse link, contem uma reportagem sobre o livro, que saiu na revista Veja.

Aproveitando o tema, já assisti esse filme, A sogra.. distração com risadas, muito bom quando se esta gripada (e quando não se esta,kk).

                                        
                                         Vou me despedindo de vocês
Obrigada pelo carinho e atenção..
 muitos beijos..
Meu carinho para vocês:
Tchau,Vi

52 comentários:

  1. Eu sou sogra e não tive sogra. Por vezes é complicada a relação, mas aqui em casa sempre foi fácil, quando as filhas/filhos estavam bem com os cônjuges. Quando brigam e terminam, tudo termina e muitas vezes, mal,rs beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Oi Vi, espero que estejas melhor.Por aqui esfriou muito e os resfriados logo chegam!
    Este assunto é polêmico.Não tenho uma relação amável com minha sogra.Ela é egoísta e inerte a tudo. Sempre dá razão aos outros, nunca ao meu marido, que é um filho exemplar.Mas deixa isso pra lá.Eu sou uma sogra bem querida e procuro ser amiga de minha norinha sempre.Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi Vi,
    Nunca tive problemas, e olha que meu marido é filho único!:)
    Não moramos perto, mas seria tranquilo também!
    O filme é engraçado... (sem gripe rs)
    bjs para vocês e melhoras!!!
    Meu post é sobre fadas, mas não tem sogras por lá rs

    ResponderExcluir
  4. Oi Vi, tenho sogra, e confesso, não é fácil!
    Pensa numa pessoa que é do contra...rsrss
    Não me apoia em nada que faço... essas coisas... Pra ter um ideia nem meu marido gosta de ser visitado por ela. Ela é uma pessoa muito difícil, e eu juro que tento mudar a situação mas sem sucesso.
    Achei o livro interessante! Futuramente qdo eu for sogra não vou querer repetir os mesmos erros da minha.:))Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Minha sogra e eis somos confidentes( audácia nossa) mas o ed tem ciúmes kkkkkkk já tive sim momentos tensos com ela, mas nada que uns dias de silencio nao resolva....ela e a melhor quituteira que conheço e uma amiga.....

    ResponderExcluir
  6. Acho que tenho muita sorte por ter uma sogra maravilhosa! Acho que minha mãe também é uma boa sogra para o meu marido. Espero que eu também seja uma sogra assim!
    Melhoras!
    Rosa
    Le Paquet

    ResponderExcluir
  7. E quando a pessoa é uma ótima sogra e uma péssima mãe como faz??

    Sinceramente, preferia ter uma sogra ruim do que ver uma mãe tratando um filho com indiferença.

    Há sogras e sogras né??

    Já tive uma que eu amava, acho que em outra vida fomos super próximas porque a ligação que tínhamos era muito forte. Mas, a relação com o filho não deu certo e o contato com ela diminuiu.

    Minha mãe é uma ótima sogra e não é pq é minha mãe não. Ela trata os genros como se fossem filhos e se preciso for puxa a orelha deles também, trata bem, conversa, dá conselhos, faz o papel que a mãe deles deveria fazer.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Nem fale em sogras... já tive uma sogra (de namorado) que todas as vezes que ele me pegava lá em casa depois do trabalho e ele me levava para a casa dele para de lá sairmos, ela inventava uma dor de cabeça na nuca. Ela tinha pressão alta, viúva e ele filho único...resultado: ia para o hospital com ele e a sogra para a emergencia e no final a pressão da veia estava ótima! Não era nada!!! Só que quando saiamos do hospital já era tão tarde que não dava mais para curtir a noite...Voltava para casa e dormia! E não foi só uma vez não. Era sempre. Tadinha, ela tinha medo que quando a gente casasse ele ia abandona-la. Ela tanto fez que ele acabou o namoro/noivado de 3 anos comigo. E hoje mora em Macapá e ela aqui...kkkkkkkkkkkkkkkk....Bem feito! Ela perdeu o filhinho dela foi para mais longe ainda...
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  9. OI Vi querida,Nossa,não sei de sogra casei com meu marido quando a mãe dele já não estava neste plano.e ele casou comigo que também perdi a mãe a muitos anos.Não tem sogras interferindo por aqui não,mas os sogros,ambos,bem xarôpe . Rs,rs,rs!!más queridos mesmo assim.
    Beijinhos carinhosos para as duas..

    ResponderExcluir
  10. Oi, Vi, meu docinho!

    Cuida bem dessa gripe, menina! Queremos vc inteirinha e saudável! O melhor é que, mesmo dodói, vc não sai do salto, hem? Que postagem legal!
    Bem, agora, penso, mais do que nunca SOU SOGRA!!! Antes eu era amiga, agora sendo ex, já viu, né? SOGRA e das tenebrosas, devido as circunstâncias.
    Tenho duas sogras. A primeira era um encanto, ser humano da melhor qualidade - já partiu para o céu, está sendo acarinhada lá. A segunda e atual, tb é uma maravilha, apenas com a personalidade antagônica à da primeira que era calminha, voz baixinha, caseira, não reclamavava nem discutia. A atual é agitada, ativa, passeadeira, festeira, um rojão! E pau pra toda obra!
    Como vê, sou muito abençoada com a SOGRA! Bjssssssss

    ResponderExcluir
  11. Bjsssssssssssssssss, quérida!
    Meu computador está uma droga!

    ResponderExcluir
  12. Tive muitos problemas com minha sogra, no começo....... até no nome dos meus filhos ela quis mandar. Tive que ter paciência, mas acabava brigando com o marido. Hoje em dia, ela parece me acitar bem e convivemos numa boa.
    Não sou sogra ainda e, pelo jeito, meus filhos nãon querem que eu seja... kkkkkkkkkkk
    bjs
    Sônia

    ResponderExcluir
  13. Oi Vi!!! Tive uma sogra, e o relacionamento poderia ter sido melhor... kkkkkkkkkkkk
    Ela sempre me lembrava no dia das mães que eu NUNCA seria mãe, já que o meu ex era vasectomizado. Era a resposta que me dava quando eu a cumprimentava. Já minha mãe é uma ótima sogra, meus cunhados não têem do que reclamar, sempre boa, pronta pra ajudar, e super na dela!!!
    Mas minhas irmãs têem ótimas sogras, só eu fui premiada!! Mas já faz parte do passado... que venha uma sogra legal pra mim!!! Bjs!!

    ResponderExcluir
  14. Assisti A Sogra, diversão garantida rs
    Vou tentar ler a tua sugestão.

    Logo que casei, passei pela fase de odiar a sogra, uns 4 anos depois de casada, já nos víamos com outros olhos. entendemos que o amor que sentimos pelo meu marido, era diferente. hoje está tranquilo, a ponto das minhas cunhadas, filhas dela, terem ciúmes da nossa relação.


    bjs

    ResponderExcluir
  15. Olá, garotas!
    Bah, Vi! Eu gosto da minha sogra e do meu sogro tb. São pessoas já de bastante idade, são gentis e carinhosos comigo. Minha sogra é artesã e vivemos trocando dicas e presentes, hehe! Além disso, ela conhece bem o filho que tem, às vezes eu acabo fazendo o meio de campo nessa relação, já que o marido não é mto família!
    Te cuida, guria e fica boa logo!
    bjs e bom restinho de semana pra vocês.
    Denise

    ResponderExcluir
  16. Nossa que assunto polêmico... eu mesma ainda não tenho filhos e meu maior medo em tê-los é depois virar uma sogra má...da minha o que tenho a falar é que no início do relacionamento com seu filho (hoje meu marido)era muito boa e parecia que ela gostava muito de mim, mas quando resolvemos nos casar, o cenário mudou, ela queria (como antigamente) que agente casasse e morasse na casa dela, como não concordamos ela enlouqueceu, e pasme, quando fomos marcar a data do casamento ela escondeu o registro de nascimento dele e não nos entregou para não marcarmos a data e também escondeu a chave da casa onde íamos morar... vê se pode, mas nada adiantou, fizemos uma segunda via do registro e da chave da casa e nos casamos depois.
    RSRSRS

    ResponderExcluir
  17. Nunca tive sogra, a mãe de meu marido morreu quando ele era pequeno.
    Pretendo, um dia, daqui há muito tempo - rsrs - ser uma sogra bem bacana. Acho qu tudo começa respeitando a escolha de minha filha, não invadindo o relacionamento dela e tratando o genro com a mesma gentileza e respeito que dedico à todos e que também gosto de receber. Se tratar bem minha filhota, já começa sendo meu amigão, rsrs. Como criei ela para não aceitar de ninguém outra coisa além de respeito e gentileza, acho que tudo vai dar certo :)

    Beijocas e melhoras com a gripe :):)

    ResponderExcluir
  18. Oi Vi...

    Tive uma sogra que no começo foi barra...meio disputa, sabe??? KKKK hj me divirto mas na época queria trucidar... No fim das contas morreu comigo segurando sua mão...coisas da vida.

    Sou sogra mas aquelas de boa, sabe? Se precisar me procura mas dou razão pra quem tem e olha que tenho filho único.

    Estou sempre a disposição é só pedir...se der, tamos na área...kkkk

    Melhra Vi...promete???

    beijos e saudades

    da Rô

    ResponderExcluir
  19. Meu marido nunca teve contato com a mãe(não conhece e nem sabe se está viva) e sua avó que o criou já faleceu, então posso dizer que não tenho sogra. Também não tenho sogro. Em compensação, marido tem dois filhos com duas mães diferentes, quatro problemas a mais na minha vida kkkk (estou rindo para aliviar a tensão). E assim, a vida continua.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi, Vi! Tive sogra que foi mãe, e sou sogra orgulhosa do genrinho...Respeito é sempre a base de qualquer relacionamento, ou trocando em miúdos, tratar os outros como gostaria de ser tratado...Tem dado certo,rsrs...
    Excelentes sugestões as suas!
    Beijinhos, Ana

    ResponderExcluir
  21. Oi Vi !

    Tive várias sogras ótimas! (de namorados, né? Que eu não sou boba de casar!rsrs). Sempre me dei super bem com todas; me dava tão bem que mesmo depois de terminar o namoro ainda ficávamos "de papo" (amiga é muito forte). A mãe do atual namorado já faleceu há algum tempo, mas era muito gente boa, nos dávamos muito bem.
    Menina, você e Pepa gripadas, o dó! Espero que já estejam bem melhor!

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  22. Vi, certamente é um assunto delicado. Tem que haver boa vontade de ambas as partes.
    Sou sogra de 2 genros e uma nora.
    Tudo ótimo entre nós, jamais tive uma discussão, nada, nada, com nenhum deles. Inclusive minha segunda filha se separou mas eu e o ex-genro nos falamos sempre. Claro que mais em função da neta, quando há filhos, o final do casamento é muito delicado. Mesmo ele tendo "aprontado" com minha filha, é um excelente pai e faço de tudo para me manter em paz com ele, pela neta. Nunca o acusei pelo fim do casamento, fiquei à parte, mas dando todo o apoio pra minha filha.
    Enfim, é sempre uma relação construída dia a dia.
    Tenho meu genro e minha nora como filhos. (até o ex, se precisar de mim, tô pronta! rs)
    Beijo, Vi.

    ResponderExcluir
  23. Viiii...
    Tenho que ler esse livro, pois tenho grandes probabilidades de ser sogra, rsrsrs
    bjs

    ResponderExcluir
  24. Eu sou quase sogra, se bem que enquanto nenhum matrimônio não estiver sacramentado não me considero, mas as namoradas dos filhos tem por hábito me apresentar nas ocasiões como sogra delas... fazer o que né? Vou me sentindo como tal, mas sempre evitando me comportar como tal... talvez por não aguentar a minha, me esforço pra não fazer aquele papel da mãe protetora do filhinho, rs. Até porque costumo dizer aos meus filhos que antes de ser mãe, eu já era mulher e por isso procuro de verdade ver mais o lado delas do que dos filhos... é sempre bom passar aqui e ler seus textos Vi, me anima a tentar mais um pouco e permanecer em contato com os amigos do mundo virtual, que em mtos momentos (como o que me encontro nessa semana) chego a pensar em deixar de vez...mande um beijo grande tbem pra Lia. Até

    ResponderExcluir
  25. Oi Vi.
    Que bom que já melhorou da gripe :) mas não abusa,tá?
    Esse assunto realmente dá muito pano pra manga... a leitura deve ser bem interessante.
    Acho que o respeito é a base de qualquer relacionamento, e nesse caso é importante cada um reconhecer seus limites.
    Beijões com carinho

    ResponderExcluir
  26. Olá amore desejo melhorar hein...eu tenho não 1 mas 4 sogras explico! meu marido não foi criado pela mãe e sim pela avó e mais duas tias..graça a Deus tenho uma relação bem bacana com todas e as tenho como mães..tomo bença e tudo kkkk mas imagino na época que serei sogra..como serei...ai ai...assunto complicado..beijusss

    ResponderExcluir
  27. Minha 1.a sogra (ex-marido) era a típica jararaca. Ligava tds os dias e qdo ia em casa, questionava até na marca de sabão em pó que eu usava. Separei... ufa!
    A atual era um amor... até a gente precisar morar com ela. Hj em dia, ela acha que sou sua personal doméstica. Só quer ficar deitada no sofá assistindo 'casos de família' na TV, enqto eu faço tudo por aqui.
    É osso!!! rs
    Bjns
    :)

    ResponderExcluir
  28. Vi eu vim correndo falar neste post, primeiro espero que vc esteja bem da gripe já.
    Agora eu tirei a sorte grande no quesito sogra viu, a minha é 10 ela chega em casa,, geralmente acha tudo lindo, pergunto se meu marido esta me ajudando, se ele não estiver da bronca nele, manda eu ir passear, mas é claro que tudo isso mudaria se eu morasse com ela, pois somos bem diferentes, mas nós somos um caso de amor, muita gente nem acredita rsrs, eu não tive tempo de ler os ouros comentários, geralmente eu faço isso, (curiosa rsrs) li só o da Cici o tadinha kkk

    bjs

    Gélia

    ResponderExcluir
  29. É...já fico imaginando que tipo de sogra serei!!! Abs.

    ResponderExcluir
  30. Oi queridas

    Minha sogra era ótima, nos dávamos
    muito bem.

    Agora eu sendo sogra de genro e nora,
    faço o possível pra viver em paz. Até agora não tivemos problemas.

    O segredo é não darmos palpites,
    quando não nos perguntam.

    beijo carinhoso

    Regina Célia

    ResponderExcluir
  31. Vi,
    eu não tive sogra, mas vejo-me prestes a me transformar em uma... vou anotar o livro para futuras investigações...rs
    Abraço!

    ResponderExcluir
  32. OI Vi
    Eu tbm. ando super atrasada com as visitas, mas aos poucos vou me atualizando :D Trabalhei muito essa semana, mas só tenho a agradecer :D

    Olha adoro esse tema, pois tenho uma sogra maravilhosa, tipo uma segunda mãe! Sou privilegiada por isso ela foi quem me ensinou a fazer o 1o. fuxico e a amar artesanato:D
    Tenho um excelente relacionamento com ela. Ela esteve aqui neste finde pra comemorar o dia das mães e foi maravilhoso revê-la.Ela me ajudou nas horas mais difíceis da minha vida, pois minha mãe estava no começo da diabete e qdo. perdi minha bebê ela me amparou muito, ficou emocionada de lembrar.
    Adorei as dicas e vou repassá-las.
    bjs
    Paty

    ResponderExcluir
  33. Oi Pepa tudo bem vim agradecer a visita e obrigada por ser uma seguidora... que honra olha adoro seu blog...
    e sempre estou por aqui beijos

    ResponderExcluir
  34. Ei lindas!
    Bom, não sou e nunca serei sogra, mas tenho certeza absoluta que se eu fosse seria péssima rs E acho que ser sogra deve ser dificílimo, pior que ser nora ou genro. É uma situação delicada, onde a nora geralmente chega com preconceitos e a sogra tb. Há uma disputa in off, geralmente, pois conheço exceções. A minha é boazinha, mas não dá para conviver muito, para garantir: manter a distância é o melhor remédio rs
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  35. Vi,

    Sabia que quase não tive sogra alguma?? E as que tive, eram boas e gostavam de mim rsrsr Graças. Pois, vejo as sogras de algumas amigas, que são um terror.
    Olhe, fique melhor, estou saindo tb de uma gripe chata que está me perseguindo faz tempo. rsrs

    Beijokas e um lindo final de semana.

    ResponderExcluir
  36. Nunca vou compreender o motivo pelos quais tantas mulheres azucrinaram outras, parece como castigo sucessivo: - Fizeram comigo, vou transferir para geração futura!

    A ex não se deu por satisfeita enquanto não acabou com os casamentos dos filhos homens.
    A que me sucedeu, acho que não sofre os mesmos maus-tratos!
    A separação muitas vezes serve de alivio.

    Beijos

    ResponderExcluir
  37. Oi, meninas lindas! Saudades. Vi, espero que vc esteja bem boinha, já. Logo terei novis pra te apresentar na visita bloguistica. Abraços fortões procês.

    ResponderExcluir
  38. Vi, muito obrigada pela visita e pelos elogios.... pois quando o elogio vem de uma conhecedora experto no assunto, ele tem mais valor ainda.
    bjs
    Sônia

    ResponderExcluir
  39. Oi Vi querida,e tu sabes da columbina!!,poucos conhecem o mal de amor do Pierrô,coitado foi traído e trocado por um arlequim!!.por isso ele ficou triste assim.
    Legal,você conhece a historia.
    Beijinhos gigantesco,(e sim eu as vejo com o coração ,e as acarinho com ele,viu)

    ResponderExcluir
  40. Olá! Espero que esteja melhor, e te desejo muito chá e saúde mais saúde!
    Gosto de minha sogra, mas prefiro minha mãe, hehehe!
    O fato de ser sogra não torna a pessoa melhor ou pior, a personalidade e atitudes é que fazem a pessoa ser agradável ou não...espero ser uma boa sogra!
    Beijos e desejos de uma ótima semana!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  41. Hahahahaha que interessante! Bem, nunca fui casada, mas num modo geral sempre me dei muito bem com as mães de meus namorados, apenas uma é que as poucas vezes que estávamos juntas ela fazia o favor de me cutucar porque sabia que eu tenho a personalidade forte e não levo desaforo pra casa, então cutucava e eu respondia pra que vim. Até que um dia deixei bem claro que não lavaria as cuecas do filhinho dela quando casássemos e ela quase caiu da cadeira... kkkkkkkk Pra encerrar o assunto me lembro que disse que lavaria as cuecas dele se ele lavasse as minhas calcinhas, uma troca justa e daí que com o passar dos meses a relação acabou... kkkkk Claro que o motivo não foi esse, quer dizer, apenas esse, mas graças a Deus que a relação acabou, pois descobri que era traída e que o filhinho de cueca-suja-que-tinha-que-ser-lavada-pela-mulherzinha não valia nada então fiquei foi aliviada de ter dado a resposta que eu dei, afinal se é para assustar então vamos fazer o favor logo, né?! kkkkkkkk Bem, mas uma justiça tem que ser feita neste meu comentário com as sogras: tem muuuuuuuuuuuuuuuuita nora que não é fácil dando sopa por aí. Claro que não é o meu caso, eu só quero ter o direito de não lavar cuecas. :)
    Beijo, beijoooo
    She

    ResponderExcluir
  42. Amiga espero que meu marido nunca entre aqui no seu blog mas vou te falar viu a minha é bruxa e sem solução, não há livro, dicas, auto ajuda, terapia, macumba, nadaaaaaa que dê jeito #prontofalei rsrs Bjoooosss

    ResponderExcluir
  43. Oi Vi,
    É um tema ótimo sim, por isso o pedido da Gélia!
    Um ótima semana para vocês!
    bjsss

    ResponderExcluir
  44. Que bom qu esta melhor!!!
    Uma semana iluminada...
    Bjs

    ResponderExcluir
  45. Boa noite, Vi. Menina, fiquei querendo ler este livro e ver este filme....Dar risadas é comigo mesmo..kkk....
    Desejo melhoras tá? Esta gripe está pegando mesmo....
    Bjus. Feliz semana.

    baudaarteira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  46. oi Vi
    ixii
    com gripe
    nesta epoca é dificil
    e sogra
    a minha é ogra
    mulher sim , mas má
    o meu marido que tem sorte - a minha mãe o adotou e trata super bem , é uma rasgação de seda -
    sera que só isto ? pq levamos embora o menininho delas? acho que o meu caso é mais complexo , aja visto que ela nunca foi boa mãe , então não tem explicação
    mas como este assunto me faz muito mal , prefiro evitá -lo , são longs e longs historias cheia de defeitos rsrs
    bjs
    e te cuida
    lu

    ResponderExcluir
  47. Eu tive ótimas (2) sogras,mas acho que não sou tão boa assim...hahah...menina,que missão difícil essa! É uma mistura de ciúmes com sentimento de perda,sei lá...rs.. Muito delicada essa relação...mas é assim desde que o mundo é mundo,né?! Paciência...rs

    Que tema d oido esse...rs... Faz pensar,gostei!!

    Feliz em te ver lá no bloguito,como nos velhos tempos...bjs amigaaaa

    ResponderExcluir
  48. Deve ser muito legal essse livro..
    Graças a Deus eu tenho uma relação muito boa com minha sogra..rs
    beijo
    ;)

    ResponderExcluir
  49. Sou sogra e já tive duas sogras.
    Como sogra ganhei mais um filho, até porque ele morou sempre ao pé de mim, andei com os pais dele na escola e a minha filha andou tambem com ele, na escola, quem diria que um dia casavam..enquando nora tive uma sogra amiga de quem gostava muito mas a primeira andava-mos sempre à bulha...
    Beijinhos que que já estejas boa da gripe.

    ResponderExcluir
  50. Oi Vi, então.... sobre esse assunto.... é complicado. Ja tive algumas "sogras" nessas vida.... me casei duas vezes, mas namoros longos tbem conta, nehhhh!!!!

    Ja tive sogras que amei de paixão... e ja tive umas que desejei nunca ter conhecido.... essa ultima ta nessa linha..... não tenho uma relação muito boa não....mas espero ser uma sogra adoravel um dia
    Um beijo linda.

    Blog da Gullo

    ResponderExcluir
  51. Oi Vi!!!!

    Não tenho mais sogra, mas graças a Deus não tive problemas com ela.

    Espero ser uma boa sogra, affffffff......espero ter uma boa nora também........

    bjks

    Sonia

    ResponderExcluir
  52. Boa tarde Vi!!!
    Boa tarde Pepa!!!
    Li seu post e realmente dever ser um livro ótimo de ser lido.
    Posso falar com alegria que não tenho sogra e sim uma segunda mãe. Tanto minha sogra me trata super bem, sendo até madrinha de crisma (fiz a tal crisma para casa, kkkkkkkkkkkkk) mas fiz e resolvi convidá-la para ser minha madrinha. Deu até briga com o sogrão, pois ele queria entrar na igreja também. Tomo a benção dos dois e somos muito amigos, estão sempre a disposição para me ajudar e nunca falaram algo para me magoar.
    Da mesma forma são meus pais com meu esposo.
    Minha mãe, quando faz o almoço de domingo para os filhos e meu esposo por motivos do serviço não pode comparecer, ela avisa: - Tira a comida para seu esposo.
    E isso faz meu esposo falar que mamãe, tem um carinho especial de mãe para com ele.
    Acho que o segredo é tratarmos bem as pessoas responsáveis pela existência de quem amamos e iremos viver felizes por toda a vida ou boa parte dela. Enfim ser feliz hoje é o importante.
    Desejo dias felizes e abençoados!!!
    Bjokas...da Bia!!!

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo