sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Quais são as possibilidades?


Oi Girls and boys, Vi, escrevendo..

Queridas e queridos, quais as possibilidades  de se ganhar na mega-sena?


1 em 50 milhões!

E mesmo com uma possibilidade  tão ínfima, milhares de pessoas tentam uma oportunidade. 


Quais as possibilidades de uma pessoa sofrer um acidente?
Nesse caso, vai depender de alguns  fatores que vão aumentar ou diminuir as possibilidades..

Exemplo: em São Paulo em 2011 tivemos 1365 pessoas, que foram vitimas fatais do transito, segundo  uma pesquisa feita no blog, Não foi acidente, 40% dessas vitimas são ocasionadas  por alguém que dirigia alcoolizado..

O que eu quero dizer, é que acidentes podem acontecer até dentro da nossa casa, mas podemos evitá-los ou  aumentar os fatores de risco.
Devemos pensar, como pensamos ao participar de um jogo, pode acontecer ,  e prevenir-se  para evitar que o acidente aconteça.



Muitas vezes por causa de uma possibilidade ínfima de um acidente acontecer, relaxamos e deixamos de fazer uma manutenção adequada , em um equipamento ou no  veiculo ( e etc) e "somos pegas de surpresa”, quando levamos um choque ou o carro quebra no meio do transito..


Estou falando isso, por causa de acidentes horríveis que acontecem, exatamente  porque,  as possibilidades deles acontecerem são tão pequenas, que as pessoas passam acreditar que nunca vão acontecer , e ficam tranquilas sem fazer o que é necessário para evitar acidentes.

O acidente horrível do RS revela exatamente isso, lugares inadequados, para receber uma multidão de pessoas, são utilizados sem a mínima preocupação, exatamente pela confiança, que a possibilidade de um acidente acontecer é mínima.



Lembrando o desastre aéreo de Congonhas que vitimou 199 pessoas, até hoje só deram soluções paliativas para os problemas do aeroporto,  quem administra esta contando com as possibilidades de nunca acontecer outro acidente , mas pode acontecer , pois os problemas estão lá.. 

Alguém fala sobre o acidente de Congonhas?


Já esqueceram!
Enquanto isso os responsáveis em resolver os problemas, ficam brincando com a sorte, pois o dinheiro que deveria ser usado para resolver os problemas do aeroporto é desviado na corrupção..

Assim são esses locais que recebem aglomerações de pessoas, daqui uns dias todo mundo esquece esse acidente, e os responsáveis em prover a segurança desses locais  vão depender da sorte, para que nunca aconteça um acidente;

Afinal as possibilidades são mínimas, e gastar dinheiro para adequar um local conforme as normas de segurança e fazer manutenção adequada iria diminuir os lucros.

Sem contar que é mais fácil e barato pagar propina para fiscais e políticos corruptos, que liberam alvarás  para estabelecimentos totalmente irregulares.

Rogo a Deus que fortaleça e console os corações aflitos daqueles que foram separados das pessoas que amam por causa da avareza do homem. 

 Vou me despedindo de vocês
Obrigada pelo carinho e atenção..
 muitos beijos..
Meu carinho para vocês:

Tchau,Vi

40 comentários:

  1. Pepa, só tenho uma coisa a dizer sobre tudo o que colocou: Sábias palavras. Neste país o que prevalece , infelizmente é a propina, a corrupção, o bem próprio.
    o auge da tragédia, fala-se muito e se diz que vão tomar providências e tudo o mais. Passados alguns meses, ninguém lembra. Só que ficou com ador de perder filhos, irmãos, netos, sobrinhos...
    Beijo, querida. Fique com Deus.

    baudaarteira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Vi.
    Essa é a pura verdade!
    As autoridades não se preocupam com pequenas probabilidades...preferem economizar,enquanto a vida humana é negligênciada.

    Beijão carinhoso.

    ResponderExcluir
  3. Arriscam vidas por aqui!!! Pena!! Muito há a mudar! beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
  4. Sábias palavras, Vi. Obrigada! Reflexões necessárias e mudanças de atitudes são sempre necessárias para evitar tragédias.

    Beijos,

    Eneida

    ResponderExcluir
  5. pois é........ é a corrupção matando pessoas.....negligência.... Fiquei tão revoltada e triste com essa tragédia..... tenho filhos de 26 e 25 anos..... poderia ser um deles... ou os dois, como aquela senhora..... Horrível demais.
    bjs
    Sônia

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Vi!!

    Você disse tudo e mais um pouco, outras boates já pegaram fogo, acidentes de avião acontecem poucas vezes (graças a Deus), porém, acidente de carro e moto acontece diariamente...
    As providências vem em uma tartaruga, questionam a quantidade de álcool que pode se consumir e o bafometro reconhecer... ninguém entende que NÃO é para beber... quando entenderem que o carro além de veículo é uma arma, quem sabe, as coisas mudam...
    Que Deus nos ajude!!!

    ResponderExcluir
  7. que legal tua postagem Pepa,é verdade que todo mundo relaxa e confia de mais que não vai acontecer nada ruim,é também é verdade que grande parte dos incidentes acontecem só por descuido.
    Beijos Pepa e que Deus te ilumine sempre.

    ResponderExcluir
  8. Como tudo o mais, infelizmente...Faz me sentir estrangeira, em meu próprio país...
    Um final de semana cheio de luz pra vc, Vi querida!
    Bjnhos,Ana

    ResponderExcluir
  9. Concordo muito..
    ngm mais fala desse acidente de COngonhas.!

    Bjs :*
    Boa Semana ")

    ResponderExcluir
  10. Vi,
    É mesmo impressionante como não nos preocupamos com "acidentes" que possam acontecer. E quando acontece pronto, passam a semana vendo e analisando e depois esquecem... O caso da Tam ficou aí esquecido, como esse caso de Santa Maria daqui a pouco também vai ser. Brasileiro tem memória curta mesmo. Joga com a sorte para escapar de tantas armadilhas obvias.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  11. Por isso que digo, ninguém tira lição nenhuma destes acontecimentos e por fim é mais fácil esquecer do que voltar no assunto e relembrar a origem do erro.
    Adorei suas reflexões e nos ajudam a tomar mais decisões no nosso dia a dia. Falei isso com marido, entramos no cinema e nunca nos preocupamos em perguntar ou reparar na segurança se está tudo ok ou não... Precisamos pensar e agir, acima de tudo e fazer nossa parte e COBRAR...

    bjs
    Paty

    ResponderExcluir
  12. Vi sabe que até escrevi um texto sobre a tragédia lá em Santa Maria? Vou ver se crio coragem e coloco lá no blog. Infelizmente no Brasil não teremos outra solução senão nós (pobres mortais) nos conscientizarmos e cobrarmo pessoalmente os donos, responsáveis por todo estabelecimento que usamos. Esperar das autoridades dá nisso.
    Bjs amores.

    ResponderExcluir
  13. Eu pensei nisso também, daqui a pouco todos esquecem, e fica tudo na mesma, as famílias choram pelos seus entes queridos, lutarão na justiça por indenizações que não trarão ninguém de volta, e muitas vezes nem irão conseguir nada, ou quando conseguem é algo tão simbólico que chega dá raiva.
    E as autoridades que deveriam fiscalizar, continuarão a fazer vistas grossa a todas as situações de risco, por "acharem" que o risco é mínimo ou por levarem algo em troca.
    Beijos
    Jack
    www.meucantinhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi Vi, foi horrível, triste demais. Não dá pra aceitar.
    Famílias inteiras morreram naquela madrugada, pois cada pai, mãe e irmão que perdeu alguém neste ato criminoso morreu junto aos seus também...
    Lamentável ;((

    ResponderExcluir
  15. Realmente Vi, ninguém se lembrará daqui a algum tempo, mas as famílias das vítimas não irão esquecer, assim como os sobreviventes, muitos com sequelas, infelizmente, terrível e mais terrível ainda é saber que pouco se fará a respeito!

    ResponderExcluir
  16. Vi, ótimo texto.
    Não há como não ficar estupefato com o acontecido, quase como se já fosse algo anunciado, é uma sucessão de erros para manter aquela casa de show aberta. Um dó que tantas vidas foram perdidas, e em vão, antevejo.
    Pode dar uma sacudida em quem tem locais assim, mas vão fazer um paliativo e a vida segue.
    O que mais me apavora é jovens terem essa coragem de se meterem em lugares fechados, muitos cheios, tanto que às vezes nem eles mesmos aproveitam bem. A urgência de viver é maior.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  17. A imprensa é imediatista e apenas relata os fatos. Infelizmente, lembra-se quem foi afetado, pois do contrário, logo o fato é esquecido. Você está praticando cidadania, ao se mostrar afeita a tudo que vem acontecendo, mas indiretamente estamos conivente, afinal, não cobramos a conduta correta, principalmente quando frequentamos lugares sem antes saber sobre a sua segurança. Cinema, por exemplo! Quer lugar mais fácil para pegar fogo? Quem entra em um cinema e procura pela saída de emergência? Na verdade, tudo é feito nas coxas, votamos nas coxas... pagamos imposto reclamando, mas pagamos e não nos juntamos para um manifesto a favor de uma reforma tributária. Enfim, brasileiro é resignado! Beijus,

    ResponderExcluir
  18. VI, depois que acontece todo mundo corre a procurar os "CULPADOS"... é sempre assim... o que fazer??? Não sei... só sei que a dor dessas famílias é eterna...
    bjss

    ResponderExcluir
  19. Verdade, Vi!
    Seria tão mais fácil prevenir! Tão mais inteligente trabalhar na prevenção, né?
    Vamos torcer que todas essas tristes histórias sirvam de lição para todos nós.
    Tenho fé no ser humano. Um dia, a humanidade será mais responsável e propriamente "humana". Vamos acreditar que a mudança é possível. E fazer a nossa parte para que essa mudança aconteça o quanto antes.
    Bjs,

    ResponderExcluir
  20. SÁBIAS PALAVRAS VI, NÓS FICAMOS SEMPRE ACHANDO QUE ACIDENTES E FATALIDADE SÓ ACONTECEM COM NOSSO VIZINHO,...,E DE REPENTE,,,,,,BAM
    o que precisamos realmente é ter mais respeito com a vida e o próximo e nossas autoridades valorizarem mais ............é isso
    bj e boa tarde

    ResponderExcluir
  21. Oi Vi,
    Fico pensando em como todos nós temos culpa, pois quantas vezes observamos que algo está errada, mas nos calamos, quando o correto seria botarmos a boca no mundo.
    Os bombeiros só podem notificar, mas não poderiam entrar em contato com um promotor público e relatar o problema em vez de lavar as mãos...assim como todos do poder público...e agora só nos resta lamentar e muito as vidas interrompidas...
    Bjks com nó na garganta!

    ResponderExcluir
  22. Pois é...nós temos conhecimento de toda essa precariedade e mesmo assim nos arriscamos, fazemos de conta de que conosco nunca vai acontecer...Fico pensando nos prédios velhos lá da região da 25 de Março...nunca reparei se tem saídas de emergência naqueles ninhos de pólvora...Devemos, ou melhor, temos a obrigação de estarmos atentos pela nossa segurança porque esperar responsabilidade só das autoridades é fueda...Eles não dão nada por nossas vidas, o que vale é grana no caixa deles.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Oi queridas

    Pepa, é tudo verdade o que voce relatou, infelizmente só falam em
    providências, mais depois esquecem.

    beijo carinhoso

    Regina Célia

    ResponderExcluir
  24. Oi Vi.
    Perfeito o seu post.
    Trabalhei em uma grande empresa onde a questão da Segurança é algo levado muito a sério.
    Por alguns anos fui voluntária como 'monitora de andar' parte da equipe que auxilia em caso de evacuação do prédio em situações de emergência.
    Desde então, sempre me preocupo em verificar saídas de emergência, rotas de fuga e já deixei de ir a alguns lugares por considerar perigoso.
    É triste que as coisas aconteçam e caiam no esquecimento.
    Pois as vezes um pequeno detalhe como observar essas 'saídas' pode ajudar e muito.
    bjs pra vocês

    ResponderExcluir
  25. Sabe, VI.. não é só em estabelecimentos q vemos isso acontecendo, né? Está aí, nas chuvas... o governo recebe dinheiro pra endireitar e mlhorar as coisas e dali a um ano conseguimos ver de verdade q nada foi feito nesse sentido... É triste...
    E o mais triste é q mta gente nem se importa ou se comove com nada disso. São tragédias q, para quem tem dinheiro ou poder, pouco importam!
    Mto bom o seu texto! As pessoas graúdas deveriam se sensibilizar mais!
    Bjks

    ResponderExcluir
  26. Infelizmente, daqui a pouco estará todo mundo pensando no Carnaval, ou se o time de futebol tá classificado ou não. Os brasileiros tem outras prioridades, lamentavelmente.
    E aí, é a hora da corrupção, das propinas, como vc relatou.
    Bjs

    ResponderExcluir
  27. Sabe Pepa, fiquei sabendo por alguém de dentro do aeroporto que foi erra humano mesmo, não a pista, ams enfim, nunc sabemos o que foi verdade.
    Enfim, fiquei super feliz que gostou do meu retorno, nem eu mesma tinha percebido o quanto sentia saudades, foi bom demais voltar, estou curtindo muitoooo.
    Parabéns pela a de peso, esse processo é uma construção constante, mas temos que nos cuidar não, não temos outras saída.
    bjssss

    ResponderExcluir
  28. Por essas e por outras a música da Nana Mouskouri mexe tanto comigo... Tem um link em alemão, que não coloquei pq não abria no iPad e em celular - vê se dá certo! http://www.youtube.com/watch?v=4HR6yAQdwlQ

    ResponderExcluir
  29. Excelente post. Temos que ser "sacudidos" de vez em quando. Tudo cai no esquecimento. Aqui em BH, há 11 anos, perdi uma amiga especial em um incêndio em uma casa de show. A gente fica meio "adormecida" depois de tanto tempo... mas seu post me fez pensar muito em tudo que sofremos. Doi demais.
    Bjks. Neli

    ResponderExcluir
  30. Oi Vi !

    Infelizmente é assim que muitos encaram a vida (dos outros) como pura sorte.
    Penso que muitos de nós já estamos ficando "anestesiados" de tanta coisa que acontece e que cai no esquecimento. é algo como "se acostumar com a dor"...terrível, não?

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  31. OLÁ MENINAS, VI MINHA QUERIDA VOCÊ DISSE TUDO NESSE POST E INFELIZMENTE SABEMOS QUE É VERDADE, POR ENQUANTO É NOTÍCIA, MAS LOGO PASSA E TODOS ESQUECEM, MENOS OS QUE PERDERAM ALGUÉM NESSA TRAGÉDIA.
    É LAMENTÁVEL!
    BJOS...

    ResponderExcluir
  32. Vi,

    Não sei nem o que dizer sobre essa tragédia, enquanto escrevo chegou o aviso de mais uma morte no acidente. São tantas histórias que ficamos sabendo agora que nos faz repensar em tudo. Passamos o domingo em busca de notícias de amigos que moram em Santa Maria ou que tem filhos que estudam lá, foi triste, sem palavras que expressem o que todos sentimos. E o que me indigna que é algo que poderia ser evitado, passei o dia me lembrando de uma livro de Gabriel Garcia Marquez, Crônica de uma morte anunciada, porque para mim, depois do ocorrido ficou claro que era uma tragédia que estava prestes a acontecer. Uma pena que esquecemos, lembro da tragédia sempre que compro passagem, nunca escolho descer em congonhas porque desde a primeira vez que fiz isso, achei que iria morrer quando vi onde e como o avião posava, assim como entro em pânico toda vez que o avião aterriza no Aeroporto de Sinop sem instrumentos.
    Esperamos que medidas sejam tomadas, que consigamos exigir nossos direitos e que, principalmente, as famílias encontre alento nessa hora.
    Amo quando recebo comentários de vcs, sempre tão coerentes e centradas, com opiniões fortes, mas respeitando os demais, me faz ver quantas pessoas especiais tenho a minha volta.
    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Ótimo texto para refletirmos, concordo com tudo. Logo, cai no esquecimento de todos e pouca coisa mudou. Muito triste!
    Beijos,

    Lu!

    ResponderExcluir
  34. Ótimo texto Vi, nos faz refletir e pensar também para que possamos nos preocupar mais em olhar onde estamos indo. Faz um tempo já que não deixo meu filho participar de passeios na escola. Talvez neurose pelo caso da linda japonesa que morreu no Hopi Hari. Minha família, inclui marido, meu filho e eu, prometemos que em respeito a dor daquela família, e podia ser qualquer um de nós, pois já fui naquele brinquedo milhares de vezes, nunca mais iremos ao Hopi Hari. Me lembro de ver na TV uma fila enorme na porta do parque no dia de reabertura. Fiquei indignada. A maioria das pessoas não se lembra mais do caso, mas pelo menos, aquela família tem a minha compaixão e o meu apoio não indo mais ao local.

    Um grande beijo, e espero que tomem as devidas providências pelo ocorrido e que Deus esteja com cada família confortando-os.

    Kaku

    ResponderExcluir
  35. Vi, eu nem sei o que dizer...foi uma fatalidade, uma desgraça...nem sei o que pensar...se há culpados...pobre deles...que vida terão?E os que se foram...tanta vida pela frente, tantos sonhos...só resta rezar pelos que ficaram, que dor mais terrível, que dor sem fim.Deus, rogai por nós!BJS.

    ResponderExcluir
  36. Oi Vi realmente nesse pais precisa se morrer 236 pessoas para aiii eles começarem a fazer alguma coisa e nós tb podemos evitar fazendo a nossa parte, muito apropriado seu post, acho que toda e qualquer pessoa q tenha acesso a um veiculo de comunicação seja qual for, mas q alcança tantas pessoas é de suma importancia esse tipo de alerta.Muito bacana da sua parte, parabens pela iniciativa..Não basta só dizermos poxa lamentavel..atitude é o inicio de qualquer mudança.Adorei a sua..Um beijo enorme da Claudia..

    ResponderExcluir
  37. Oi querida Vi!

    É a máxima, coisas ruins só acontece com os outros... Doce ilusão...
    Só podemos lamentar e chorar pelas vidas "derramadas", não podemos voltar a história e nem conserta a moral, respeito e ética de terceiros, infelizmente!

    Um maravilhoso fim de semana p/ vcs!

    Bjosssss

    ResponderExcluir
  38. Oiii Lia, chegando aki pela primeira vez para conhecê-la e acompanha-la, primeiro quero dizer que adorei a ideia do encontro em SP, eu sempre tive vontade de ir em um Encontro de Blogueiras, moro em Americana e não será nenhum problema ir até SP participar! Obrigado! Qto a postagem, vc disse duas coisas que acontecem mesmo, primeiro que a gente acha que nunca irá acontecer e com isso não toma os cuidados necessários, e segundo como colocou de ex o memorial em Congonhas, as pessoas logos esquecem das tragédias e relaxam nas medidas de segurança! mmuito bom estar aki! Bjoooss

    ResponderExcluir
  39. Certíssima, Pepa! É muita coisa errada, então nossos políticos - que deveriam nos representar - ficam brincando de "passa anel", entra um bandido, sai o outro, e nós aqui. Socorroooo! Bjs

    ResponderExcluir
  40. Sábias palavras, Vi. Só mesmo Deus para confortar os corações marcados pelas perdas! E o meu, indignado que anda com tanta corrupção e falta de vergonha. Ontem assinei uma petição para impedir o Renan como presidente do senado. Pode não dar em nada, mas ao menos vou me sentir menos passiva e mais limpa por essa razão.
    ..................................
    Querida, deixa-me tão feliz saber que vc tem considerado úteis os meus posts literários! :D
    Abraço,
    Jussara

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo