26 de março de 2019

Interpretação ou pontuação , o que é mais importante ?


"Quem olha pensa: uau, creme de chocolate 1000% cacau, importado, creme de leite das vacas holandesas do Himalaia 🤪🤪🤪

Nada benhê, #abacate + chocolate (50% cacau ) e mel .

Fica bom ? 

Contrariando minhas expectativas, fica muuuito bom ! "

Publiquei essa foto no Insta, com exatamente esses dizeres.

Alguém veio no direct dizer que isso não era mousse, nem aqui nem na China, e que mania esse povo tem de querer transformar tudo ! E junto um emoji de alguém vomitando !

Chateada fiquei ? Não ! Porque onde está escrito que isso era uma mousse ? 
(ou um mousse ?) 

Mas não fiquei chateada porque sei que quem perde tempo com isso é alguém que está bem mal resolvido, e nos últimos dois anos comecei a abstrair de qualquer coisa que me faça mal ao ponto de ficar pensando naquilo.

Mas eu pensei cá com meus botões :

Vira e mexe eu vejo posts das pessoas corrigindo os erros gramaticais das pessoas.

Já vi gente dizendo que seus olhos até sangram quando vêem certos erros de pontuação, ou palavras escritas erradas. É "çério" isso ??? rsrsrsrsrsrsrsrsrsrrs

(Gente, sangra os olhos ver uma cidade como Brumadinho ser destruída por negligência, ver crianças assadas dentro de contêineres, ver crianças assassinadas dentro de uma escola, só pra falar no último mês...)

Uma vez, uma pessoa de quem eu gostava muito escreveu num post que se ela fosse ler algo e estivesse cheio de erros ela nem lia... não ia perder o tempo dela. A pessoa que voltasse para a escola e depois fosse postar na internet.

Confesso que fiquei muito chateada ... pense : comecinho de blog, eu não tive acesso aos melhores ensinos, male male sei ler e escrever... e um balde de água fria desses na cabeça ?

Mas continuei, porque graças a Deus, meus leitores compreendiam o que eu e Vi dizíamos e quando os erros gramaticais ou de pontuação acontecem, seus olhos não sangram... eles tem o mais importante : capacidade de interpretação .

Já foi comprovado que nós conseguimos ler textos que até faltam letras, ou com as letras trocadas.

Experimente :


Daí, quando eu vejo esses posts, eu penso :

- Nossa, mas o que é mais importante ? Aquilo que eu penso, ou a forma que eu escrevo ?

Ás vezes parece que as pessoas querem fazer um "sistema de castas" nas redes sociais, do tipo : se você não sabe escrever corretamente, ainda que eu seja totalmente capaz de entender o que você diz, você não pode estar no mesmo patamar que o meu, volte três casas...

E isso é tão notório, que as pessoas pararam de expressar suas opiniões, elas geralmente procuram alguém que tenha mais "capacidade" de escrita, copiam e colam seus textos e assim não correm o risco de escrever uma palavra errada e ser achincalhado.

É triste quando as pessoas olham para a aparência das pessoas e as julgam ? Sim !
É tão triste quanto, alguém julgar sua capacidade intelectual pelos erros gramaticais que você comete.

Estou dizendo com isso que saber escrever corretamente é obsoleto ou deve ser esquecido ? Claro que não. 

Mas é tão ou mais importante que as pessoas tenham capacidade de ler e compreender o que estão lendo. 

Estou legislando em causa própria ? É claro que sim. Me assusta quando as pessoas se preocupam tanto com um erro e nem se importam que as pessoas não são capazes de interpretar textos, de entender o sarcasmo, a ironia ... quantas vezes a gente escreve alguma coisa e tem que colocar entre aspas : "contém ironia" ?
Porque sempre vai ter alguém que vai ler e não vai entender .

Um erro pode sim dificultar o entendimento, entendo que os professores devem sentir uma dor no coração vendo sua língua vilipendiada.

Mas não dá para excluir pessoas porque elas não sabem escrever. É tempo de inclusão.

Tempo de olhar para o outro e ver além da forma que ele escreve.

É tempo de analisar pensamentos, idéias... 

Mas o que tinha a ver esse post e o post do Instagram ?

É que "antigamenty" eu me importava muito com o que as pessoas pensavam, até perceber que as pessoas não estavam nem ai se iam me magoar ou chatear.

Hoje em dia eu não me importo mais, tanto no aspecto de pessoas fazerem comentários desnecessários, como de me preocupar se as pessoas vão me julgar se sei escrever certo ou errado, porque certamente vou escrever errado muitas e muitas vezes, e não pretendo deixar de escrever, nem de expressar minhas opiniões, ainda que meus erros "sangrem" os olhos de alguns.

Será que tô ficando madura ? rsrsrsrrsrsrs 

Agora me conta ( e não vou te julgar, #promessa) o que, na sua opinião é mais importante :
Interpretação ou pontuação ?


Bjus 1000  


18 comentários:

  1. Oieeeee. Mas TB é tão difícil interpretar a escrita, não é? Pq eu escrevi de um jeito e vc leu de outro.
    Ohhhh, quer saber? Ta TD difícil! TD vira mimimi kkkkk eu to percebendo q eu estou entrando numa bolha. E é porque eu quero!!!!
    Bjs, saudades, vamos nos encontrar again

    ResponderExcluir
  2. A coisa tá muito chata e se formos dar bola pra cada coisinha, enlouquecemos, rs> Há quem nem bem leia o que está escrito e já pense num motivo pra picuinhas... Pena isso,né? Melhor é não dar bola e seguir! bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, concordo, esse é o tipo mais chato, Chica, parecem ávidos por uma teoria da conspiração ou achando que fucinho de porco é tomada, o mundo está tramando contra minha pessoa. bjs

      Excluir
  3. Lógico que interpretação né! Agora, pra essa(e) fulana(o), falar isso, é porque tá "se se". Fala sério, tanta coisa mais importante com que se preocupar....

    ResponderExcluir
  4. Oi. Houve um tempo em que eu, professora, não podia admitir erros de ortografia. Hoje, não mais exercendo a profissão, já não ligo mais. A Língua Portuguesa é muito difícil de se aprender. Morrerei de velha e não aprenderei tudo. O que importa nessa brincadeira é que todos se entendam e se divirtam ou melhor: "si todos tão sessintindu beim é o qui conta."
    Beijos pra ti e pra Vi. <3

    ResponderExcluir
  5. Adorei essa publicação. De fato ocorrem um tanto de erros que irritam mesmo ficar lendo o tempo todo, meus filhos cometem uns que “pela’mor”. Mas, é infinitamente mais importante saber interpretar o que lê e desenvolver a habilidade de ler nas entrelinhas, perceber as emoções, aprender e se envolver. Hoje, qualquer coisa é motivo para confusão, tudo vira pretexto para mal entendidos e as gerações se formando nesse contexto estão é bem ferradas....

    ResponderExcluir
  6. Texto perfeito!!!
    Cá com meus botões, sabe por que eu não me preocupo mais com o que as pessoas pensam? Porque eu percebi que a maioria delas não pensa.
    Pode soar um tanto egóico, não é? E agora eu descobri que 'egoico' não tem acento, pois o corretor me corrigiu.

    Viva o corretor!

    ResponderExcluir
  7. Lia, Pepa, eu até fiz um post esses dias. Eu sou chata pra escrever, claro que noto um erro, que todos podemos cometer. Eu cometo tb, volto no texto várias vezes. Mas não corrijo ninguém e nem deixo de ler. Leio tudo, tudo me interessa. A questão de escrever corretamente é isso aí: a gente interpreta melhor. Sempre li vc e a Vi e escrevem super bem, são comunicativas, sabem "dar o recado". Tenho certeza de que, se vc tem dúvida numa palavra, procura saber como ela é escrita, né? Foi para isso que fomos à escola. rsrs Outro dia uma amiga fez um texto e me pediu, inbox, para ver se estava certo. Era tão lindo, tão bem escrito e claro que custei a ver um erro de gramática. Ela insistindo que estava errado e eu nem aí. Estava lindo de ler,não era prova, nem defesa de tese. rs Eu amo ler você. Beijo.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Amei o seu texto Pepinha!! Ele fala por mim também.
    Quanto ao sistema de castas, é incrivel, mas ele existe sim.
    Beijões.

    ResponderExcluir
  10. Meninas,
    O importante é captar a mensagem,amado gurú.
    Como diz um refrão espanhol o diabo quando está desocupado,mata mosca com o rabo.Pessoas assim precisam de terapia,ter a pia cheia de louça prá lavar.Já ne importei muito com alguns comentários,mas depois de quase 10 anos de blog nem te ligo farinha de trigo...rsrs...Eu escrevo em uma linguagem informal,Pascale não me segue,falo mineirês fluente e de vez em quando colo as placas com os idiomas.Já escrevi encima em vez de em cima e me corrigiram,os por ques não aprendi até hoje,se escreve berinjela ou beringela não me importa, vou fazer a receita do mesmo jeito.Até por que(é junto ou seoarado?)o português é um idioma complicado,quando pensamos que aprendemos,mudam as regras e já era.E juntando o português de Portugal,piora.Esparguete tá escrito perfeito em Portugal,mas escreve assim prá você ver,te pregam na cruz.De nada adianta ter estudo,se não tem educação.Educação é o que fica depois que saimos da escola.E nas redes sociais dá prá ver claramente a diferença.
    Mas voltando ao assunto comestível,cadê a receita do bacati com xocolate?...rsrs...
    Besitos e tenham um dia abençoado.

    ResponderExcluir
  11. Girls,

    A sua sugestão de mousse é tão boa que quem pudesse deveria experimentar.
    O sabor é surpreendente.

    Sobre erros, eu sou detalhista, procuro escrever certo, eu me alto corrijo quando noto deslize, mas esta sou eu e não todos e não sou perfeita.

    Com minha filha, jovem, aprendi que eles escrevem loucuras que aprendi a interpretar e mundo a fora tem sido assim, parece ser um outro idioma paralelo.
    Ou seja, precisamos aceitar, quem sou eu para brigar com a maioria que reinventou como se comunicar?

    O Twitter que limitava os caracteres contribuiu para minimizar a forma da escrita. Isso acontece em todo o mundo e vai continuar sendo.

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Assino embaixo de tudo de escreveu!
    Ficou bonita a sobremesa, a gente fica acostumado com paladares, não testa outros, vale arriscar, essa eu comeria de boa.
    Falando em Mousse lembrei de uma treta enorme numa comunidade do Orkut porque alguém escreveu musse...hahaha piada.
    Conheci tantas pessoas analfabetas, semianalfabetas e admiráveis ao longo da vida, de caráter e bondosas, isso é o que vale para mim.

    Não tenho paciência para gente arrogante e mal educada, se vir educadamente sobre algo que fiz, fazer uma observação sobre algo que falei e tal, não me incomodo e dependendo posso até agradecer, mas seja educado.
    Agora, entrar num debate nas redes sociais sem saber escrever fica complicado o entendimento, se bem que muitos nestes casos, usam ofensas e xingamentos como argumento, aí ignorar é melhor.
    Melhor é usar um "então tá."
    Interpretação ou falta dela é complicadíssimo, faz mais falta que acentuação, embora a falta de acentuação também gere confusões na interpretações.
    Adorei o post, abraço!

    ResponderExcluir
  13. Interpretar, é claro! respondido
    Quando eu vi esta foto no Instagran eu pensei que fosse aquela coisa terminada em ...ela (kkk). Depois que eu li os ingredientes fiquei surpresa pela cremosidade e brilho.

    Mas tá difícil conviver com tanta ignorância nesse meio virtual. A pessoa tem tanta vontade de criticar que nem lê, já sai metendo a lenha nos outros. Dá vontade de perguntar "quem pediu a sua opinião"? Mas se agirmos assim estaremos nos rebaixando para o mesmo nível delas.

    Adorei o post.

    ResponderExcluir
  14. Importante é a essência! Desde a primeira vez, me encantei com a capacidade que você tem de misturar coisas inimagináveis num mesmo texto...Isso é essência! A ideia fica completa, pode ser interpretada! Quando escrever um livro, vou ler!
    Beijinhos, Ana

    ResponderExcluir
  15. Ah se formos nos preocupar com essas pessoas mal educadas e irritadiças ... Não dá!
    Este texto está bem escrito e diz tudo o que você pensou.
    Não sou saudosista, mas nos velhos tempos era muito bom ler tudo em blogs, todas eram amigas, ninguém ofendia ninguém. "Ô" tempo"bão" rsrsr
    Gostei da sobremesa, adoro abacate, mel e cacau em pó. Então .... vou fazer.
    Beijos.
    joturquezzamundial

    ResponderExcluir
  16. 😍😍😍..
    Importante pra mim é ler seus textos, que fala o que nós pobres mortais entendemos
    Gosto porque são simples, fácil de entender e cada palavra vem cheio de Vida.
    Portanto amiga prefiro a interpretação é mais humano.
    Bjs no seu ❤

    ResponderExcluir
  17. Mais importante é a interpretação, claro. Tanto que a linguística não considera que há erros (mesmo que existam) se a mensagem foi entendida. O problema é que os erros gramaticais (principalmente de concordância e mal uso de vírgulas) normalmente impedem a perfeita interpretação.
    Mas eu, se fosse você, não me preocuparia com isso. Seus textos são bem escritos e divertidos. Você possui um estilo próprio de escrita, o que muita gente gostaria de ter.
    A sobremesa está com uma cara ótima! Abacate é tão versátil, não é mesmo? Aprendi a fazer uma maionese de abacate que é maravilhosa! Beijo&Carinho

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Subir