domingo, 5 de março de 2017

Sabe quantos seguidores eu tenho ?

Outro dia contei no face sobre uma proposta de parceria que surgiu pra nós lá no IG.

Eu achei mega disparate, mas depois que contei, muitas das amigas relataram o mesmo, com outros segmentos mas sempre a mesma proposta indecente...

Uma pessoa no Instagram com mais de 50.000 inscritos me propôs a seguinte "parceria" :

Eu faria 25 (isso mesmo, 25...) placas pra sua cozinha e ela em troca faria um post com um link meu.

Achei absurda a quantidade de placas, mas fui lá no perfil da dita cuja para "avaliar" a proposta.

Sim, era verdade que ela tinha 50.000 inscritos, mas quando fui olhar as curtidas e comentários nas suas fotos, fiquei chocada.

Proporcionalmente, eu com meus humildes 1.400 seguidores tenho muuuito mais curtidas e comentários nas minhas fotos, portanto o graaaaande número de seguidores dela não se engajam nas suas postagens.

As pessoas acham muito importante ter milhares de seguidores nas redes sociais, uma vez num desses eventos que a gente participa de vez em quando, uma moça veio se apresentar e disse :

-Sou fulana e tenho tralálá de seguidores no IG !

Sério, fiquei olhando pra moça, e meu sentimento era um pouco de pena e um pouco de vontade de dar na cara dela, pela arrogância ( de vir se crescendo por que tinha sei lá quantos seguidores) e a pena por ela se achar alguma coisa pelos números que tem nesse mundo de internet.

Um mundo onde você hoje faz o maior sucesso e amanhã caiu no esquecimento, porque surgiram outros 10 fazendo exatamente a mesma coisa ou 10 vezes melhor.

A relação que as pessoas nutrem com seus seguidores/amigos/parceiros de internet é que vai fazer com que sua vida nesse meio seja um pouco mais longa... (eu disse : um pouco mais... não eterna)

Infelizmente somos úteis enquanto produzimos e nem precisamos ir muito longe, vide o que fazem com os aposentados . Enquanto ele está trabalhando para fazer a roda girar, tudo bem... quando ele se aposenta vira um estorvo, um peso para a sociedade.

A humanidade é desumana já diria Renato Russo, e eu me incluo nisso.

Por isso, números não me impressionam. Sei que esses grandes youtubers, instagramers   e que tais ganham muito dinheiro com esses números, mas a vida deles é tão estressante quanto á dos altos executivos. Eles tem metas diárias, tem que produzir conteúdo, tem que estar presente em todos os lugares, senão... bye, bye... surge outro e toma o seu lugar...

É um custo bem alto, e não sei se o benefício vale tanto a pena... já que tudo passa e passa muito rápido.

Claro que eu acho que é bom ganhar "uma dinheirinha". Mas não estou disposta a pagar um preço tão alto pra conseguir !

Quero 10.000 inscritos no canal ? Sim ! Mas quero que as pessoas que estão lá assistam nossos vídeos, interajam com a gente, aprendam. Não quero ser uma máquina de produzir videos só porque se não produzir, vão deixar de assistir o canal.

Não quero a obrigação de postar fotos diariamente , mesmo que não tenha a mínima vontade ou absolutamente nada pra postar só porque vou cair na visualização.

Vou seguindo com os amigos, pessoas que se importam com o que eu faço, que se preocupam quando dou uma sumida, são poucos ? Relativamente aos milhões que muitos tem, sim, são poucos... mas tô bem com eles, tô feliz e satisfeita. 

Sei que parece muito piegas, afinal, tenho poucos números, queria ver se tivesse milhões estaria falando isso... não sei, pode ser... mas é assim que penso hoje.

Me fala o que você pensa sobre isso. Eu acho que dei uma embolada no meio de campo, mas foi fluindo e acho que no fim, eu abri meu coração, srrsrsrsr


Bjus 1000 !!! 

20 comentários:

  1. Abrir o coração vale sempre! E eu acho que não devemos ficar nos preocupando com números...Não vejo necessidade! Mas cada cabeça, uma sentença! Respeito, mas não entro nisso! Já temos tanto a nos chatear,m imagina arrumar mais sarnas?rs bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Texto lúcido! Quando criei meu blog não fazia ideia dos zilhões de blogs que existiam no Planeta. Também não saiba da existência daqueles que "se acham alguma coisa pelos números" de seguidores que tem.

    Criei meu blog como um diário de inspiração, também uma maneira de conversar com aqueles que têm algo em comum comigo: culinária, decoração, artesanato, DIY.

    Logo cedo percebi o que você disse sobre a blogosfera: "a relação que as pessoas nutrem com seus seguidores/amigos/parceiros de internet é que vai fazer com que sua vida nesse meio seja um pouco mais longa" - e ainda completo: sobretudo, valer a pena. A troca é muito rica.

    Estou feliz e orgulhosa de você que demonstrou um imenso respeito pelo seu trabalho e dignidade de propósitos!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Todos nós que estamos sempre aqui admiramos muito vocês. Um grande abraço. Georgina.

    ResponderExcluir
  4. Pois é Pepas...algum tempo atrás eu pensava assim: "mas a fulana faz umas coisas tão nhénhé e tem mil curtidas, e eu capricho tanto e "nothing"! Reparei que vendi muito mais na minha página pessoal do que na fanpage. Isso porque na pessoal tenho apenas 200 amigos e na outra chegando perto dos 4.000. Isso pra mim é incompreensível. Não devia ser o contrário? Bom, eu já tive 3 blogs, um mais lindo que o outro, mas tomava tempo demais, muita dedicação pra pouquíssimas visitas ou comentários. Comecei a me encher e fechei tudo. Hoje tenho Face, Insta e Elo7. Sabe, não são as curtidas que farão de mim uma pessoa melhor ou que me farão vender mais. Quem tiver que gostar de mim, aproveita porque só tem uma Vy Potel. Eu tinha uma amiga que eu adorava, faz trabalhos lindos, mas era aquele tipo de pessoa que "venha a nós e o vosso reino niente..." Eu ficava atrás, queria uma amizade mais bacana, podíamos interagir (sem parcerias por favor) nossos produtos. Mas ela tinha aquela mania irritante de "genteee, vou sumir um pouco porque preciso olhar pra dentro de mim, e sumia". De repente ela voltava maravilhosa como se nada tivesse acontecido e as palhaças lá: o que houve? vc tá bem? precisa de algo? Ahh, cansei. Sumi tbém, daí ela me bloqueou! kkkkkk Ô benhê, minha filha caçula ficou desaparecida por 8 meses, e eu fiquei sem andar, sem falar, e minha família teve que me levar ao psiquiatra pra me tirar do estado de choque, então não vem me falar de "olhar pra dentro". Eu a encontrei, mas minha vida, meus valores, minhas crenças mudaram totalmente e não vejo mais pressa e nem valor em coisas que tanto fazem existir. Quem me conhece me procura, quem gosta do meu trabalho compra. Isso independe de curtidas. Tem artesão que sigo desde que existe rede social, mas são tão estrelas que nunca se deram ao trabalho de dar um "Oi". A vida é difícil e curta gente. Sejam vocês, e nada mais. E eu adoro essas meninas lindas plaqueiras!! Beijos!! Vy

    ResponderExcluir
  5. Lia e Vi, esse "Criatividade em tecido" foi a última parceria que fiz (pelo menos nessa encarnação)e que me deixou no vermelho por mudar tudo que era etiqueta e embalagem, e não consigo tirar daqui!!

    ResponderExcluir
  6. Sempre prezo mais pela qualidade do que pelo quantidade. Vira e mexe limpo o face de pessoas que não interagem nem uma vez por ano, de pessoas que me adicionaram mas na rua fingiam que nem conheciam. Gosto de interagir, mesmo que não seja sempre. A minha fanpage não tem nem duas mil curtidas mas sigo fazendo meu trabalho, enchendo o estoque da lojinha e quando for para começar a vender, vai vender, tenho certeza.
    Seguia uma blogueira que adorava. Ria muito com ela e esperava ansiosa pelos vídeos semanais. Depois ela começou a ganhar muito dinheiro e basicamente começou a falar dos produtos que recebia e das mil viagens que passou a fazer (tudo post pago). Hoje ela já tem até livro mas meu interesse passou. Ela perdeu a espontaneidade.
    Agora não sigo mais nenhuma mais famozinha. Prefiro as pessoas gente-como-a-gente como vocês e a Margaret e sigo em frente.
    E tem mais: passei a seguir mais profissionais na área de costura criativa, assisto a várias aulas, participo de desafios de produtividade é gasto melhor meu tempo.
    Desculpe o textão. Acabei me inspirando com o post "pepesco". Rsrsrsrd

    ResponderExcluir
  7. Oi Pepa! Complicado, quase tudo comercial nessas redes sociais, querem que a gente faça papel de bobo, isso sim! Nada contra obter lucro, mas se a intenção principal é essa, que deixem claro, não gosto de dissimulação. É muita prepotência da bacana, 25 plaquinhas por um link...Fez muito bem em não aceitar, muitos dormem neste barulho.
    Beijos procê e a Vi!

    ResponderExcluir
  8. Ótimas reflexões, Pepa! Números são só isso: números...Carinho, apoio, admiração a gente só encontra em pessoas, simples assim! As boas ideias, a comunicação fácil e a mistura gostosa de alhos e bugalhos, faz a gente querer acompanhar sempre esse Tacho, pra ver vocês inspirando todas nós!
    Beijinhos, Ana

    ResponderExcluir
  9. Pepa,
    Sério, esse negócio de números não me encantam. Não quero ficar escravizada para ter que blogar, tirar fotos, postar! Meu blog é para me divertir. Venho nos blogs amigos para interagir, porque gosto da pessoa. Não para ter a visita dela lá no meu canto. Já dispensei tantas parcerias para não ter a obrigação de ter sei lá quantos seguidores...Não, não é para mim. Quero minha paz e diversão.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  10. Oi Pepa!
    O importante é fazer o que gosta e se sentir bem consigo mesma.
    Adoro o blog de vocês duas.
    Sempre que posso dou uma passadinha para ver a novidades.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  11. Pepa,
    Essa proposta é mais que indecente,25 plaquinhas? Se fosse 24 tudo bem...kkk...Oferece prá ela trocar o link por óleo de peroba,prá hidratar a cara de pau :)
    Eu recebo umas que só tem uma explicação:maconha.Fumou e escreveu o e-mail,ignoro igual anúncio do Youtube.Seguidores,likes não significam nada.Tem gente que compra seguidores e tem empresas que vendem só isso.Outro dia me ofereceram por e-mail não sei quantos mil,por 500 reais.Não obrigada,prefiro os que tenho e que me seguem por vontade própria.Besitos e tenha uma semana abençoada

    ResponderExcluir
  12. Poie é, por tudo isso que tenho muitas saudades da época que comecei meus blogs.
    Ninguém era tão ......... chata, com essa coisa de números no blog.
    Número "bão" para mim é ganhar numa loteria e ter muita grana para viajar rsrsr
    Estou voltando a blogar e visitar. Estava viajando.
    Beijos para vocês.
    joturquezzamundial

    ResponderExcluir
  13. Oi Peppa Tudo bem querida então eu concordo contigo sua postagem foi super Eu também nunca Me preocupei com quantidade mas sim com qualidade confesso que ando sumida tô sem computador e por telefone ai ai ai complicado mas como você citou mas vale ter seguidores que apreciam seu conteúdo e eu aprecio muito de vocês sucesso menina beijo no coração

    ResponderExcluir
  14. Oi Peppa Tudo bem querida então eu concordo contigo sua postagem foi super Eu também nunca Me preocupei com quantidade mas sim com qualidade confesso que ando sumida tô sem computador e por telefone ai ai ai complicado mas como você citou mas vale ter seguidores que apreciam seu conteúdo e eu aprecio muito de vocês sucesso menina beijo no coração

    ResponderExcluir
  15. Bom dia como sempre concordo plenamente com você e acho isto uma proposta indecente como se fazer 25 plaquinhas fosse fácil de fazer as pessoas se acham.
    Boa semana beijos Eliane Lima

    ResponderExcluir
  16. Pepa, não sou uma blogueira de números e confesso que já me peguei pensando em como conseguir mais seguidores, mas quem nunca, né ?
    Hoje eu não tenho tempo e nem conteúdo suficiente para ter um grande blog, no entanto, estou feliz com o que tenho e muito feliz com as amizades que fiz aqui.
    bjk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueci de dizer: "pqp", 25 plaquinhas!!!
      kkkkkk

      Excluir
  17. Não ligo para números, tem seguidores que nunca vi um comentário, vou levando e sempre que dá visito os blogues que estão na minha lateral, pois são os que mais gosto...sem compromisso.

    Agora com dificuldade nos dedos por causa da artrite.
    Mas enquento dá vamos seguindo.
    Adoro ficar por aqui fuçando tudo, tem tanta coisa linda para se ver.

    Abraços meninas!

    ResponderExcluir
  18. Fiquei esperando a frase sobre impressionar-se com números e balança...Coisa e tals no final do texto e nem. 😏 Hahaha. Com tua fala, mais uma vez cheguei à conclusão de que a vida é pra ser vivida e não calculada. Eu no pouco com vocês, mas saibam que estão ocupando seus devidos lugares em meu coração. Deus as abençoe. Bjo de ovelha 🐏

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo