quinta-feira, 8 de maio de 2014

Já se olhou no "espelho" hoje?

Oi Girls and boys, Vi, escrevendo..

Queridas e queridos eu tinha uma "amiga", (eu a considerava como).

Uma amizade de longos anos.

Amizade, como outras relações, envolve prós e contras, ninguém é perfeito, eu não sou, o amigo também não é..

Existem defeitos, erros, falhas, que a gente releva, afinal, colocamos na balança as qualidades e os defeitos, e quando as qualidades são maiores que os defeitos, investimos nas qualidades e esquecemos os defeitos.

É assim com a maioria das relações, (casamento, com irmãos, com amigos e etc..).

O problema é quando os defeitos são maiores.

Então vem o momento da decisão, é difícil romper uma relação, ainda mais quando a outra parte envolvida não tem "espelho em casa".


"Pisa na bola" e não vê.

A criatura ainda fica se fazendo de vítima, como se fosse a injustiçada e mal compreendida..

Mas, sempre digo para aqueles que me cercam:

Não confundam educação, com burrice!

Essa minha amiga, devia me enxergar de quatro e com chapéu de burro..


Até o dia que eu falei, acabou, me esquece, pensa que eu morri, porque você morreu para mim.

Eu não gosto de discussões, brigas, faz mal para minha saúde, então penso muito antes de tomar uma atitude..

Porque estou dizendo isso..

Porque as vezes as pessoas ficam questionando, porque o fulano tem mais intimidade (amizade) com beltrano?


Porque o beltrano não se acha melhor que os outros, porque o beltrano tem espelho em casa, porque o beltrano sabe respeitar as pessoas, porque o beltrano sabe que relacionamentos são uma via de mão dupla, é dar e receber, o beltrano não é do tipo que só quer levar vantagem, explorar os outros,  o beltrano já abandonou as fraldas, não fica fazendo picuinhas e pirracinhas em rede sociais para ganhar likes e mais um "zilhão" de fatores..


Vou dar um exemplo: Eu não fico chateada quando percebo que algumas pessoas tem muito mais carinho pela Pepa, eu acho natural, ela é mais dedicada, mais expansiva, mais amorosa..

Eu colho o que eu planto, se eu dou muito, vou receber muito, e eu sei que a Pepa é muito mais carinhosa do que eu.

Eu vejo minhas falhas, não fico me fazendo de vitima, e perguntando, porque será que gostam mais da Pepa do que de mim?


Sera que é tão difícil as pessoas julgarem a si mesmo, verem suas falhas? 

Ninguém se separa do marido por causa do tubo de pasta de dente destampado, (diante de perguntas cretinas, é melhor uma resposta cretina..).

Assim é com uma amizade, o que leva o fim de uma amizade?

Uma somatória de fatos, atitudes, que somadas, tornam insuportável a  convivência.

Muitos querem cantar aquela musica do Roberto Carlos: eu quero ter um milhão de amigos..

Mas, investir em uma amizade, dá trabalho, demanda paciência, amor, carinho, dedicação, renúncia ..
Amizade não é construída em um passe de mágica, leva muitos anos para ser construída e muitas vezes a construção desmorona quando julgávamos nossa amizade consolidada.

Vou me despedindo de vocês
Obrigada pelo carinho e atenção..
 muitos beijos..
Meu carinho para vocês:
blushrose.co.uk
Tchau,Vi








41 comentários:

  1. Adorei seu post... é muita lamentação, muita exigência, muita cobrança e pouca dedicação. Alguns amigos exigem exclusividade, mas oferecem pouco em troca. Gostei muito do escreveu. Se fazer de vítima é o que mais acontece e muita gente tem mesmo o grave defeito de projetar nos outros os seus próprios defeitos. Um grande bj!!

    ResponderExcluir
  2. Vi...
    Amei seu desabafo e quer saber... Vai passar!
    Bjokinhas grandes pra vc e pra Pepa tb.

    Rê Ascenso!!!

    ResponderExcluir
  3. Sábias palavras Vi, amizade é doação e entendimento constante de ambas as partes senão não "funfa" rsrs... Bjs

    ResponderExcluir
  4. Ótimo desabafo e amizades verdadeiras não cobram...beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  5. Perfeito!

    As pessoas cobram demais das outras, mas não dão retorno.

    Querem sempre mais e mais e mais ... Mas não são capazes de se doarem.

    E, se por algum acaso, você não puder ajudar naquele exato momento, cabô o mundo pra ela, as 99 coisas boas que você fez foi pro ralo, irá se lamentar ad eternum por causa dessa uma, vai fazer mimimi, vai se fazer de vítima ...

    Isso cansa. Não precisamos de sanguessuga, precisamos de amigos.

    Não sei o que te aconteceu, mas torço para que tu fiques bem, pois você é do bem.

    beijo.

    ResponderExcluir

  6. Oi Vi, estou passando por situação parecida, por mais de 1 ano tentei preservar a parte boa de uma amizade, mas as diferenças e alfinetadas em rede social foram mais fortes e excluí não por raiva, mas para não ficar lendo indiretas (não vou vestir chapéu de burra tbm). Como não sou de fazer novela no Facebook, nem mesmo nos bastidores, já viu, rolou só um lado da coisa, ou seja, para muitos me tornei a megera que excluiu e bloqueou a boazinha.
    O que mais me magoa é pensar que a amizade que um dia existiu se apagou a esse ponto, de criar um clima chato para mim , de se vingar ou coisas do tipo....De qualquer forma tem sua vantagem, quem acredita em algo sem conhecer o outro lado e toma partido, não faço questão de ter como amigo mesmo, aliás deveriam ser coerentes e me excluir, né!

    Fico fazendo um paralelo entre sua postagem, a última da Pepa, essa minha última experiência...Por mais que seja bacana se abrir para novas amizades, ter afeto e tal, penso que.é melhor ser superficial. .Acho que estou velha demais para estes desgastes, tenho personalidade forte apesar de ter um lado doce e as pessoas confundem muito isso com burrice e to longe de ser burra.

    Acabei escrevendo uma novela (um desabafo, né), mas é isso acho que fomos maduras e racionais, ninguém é obrigado a ser bobo de ninguém!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi Vi eu poderia escrever um texto gigantesco aqui, diminui minha amizade com uma amiga de infância, no primeiro momento eu achei que não ia conseguir viver sem aquela presença constante em minha vida, mas hoje vejo que foi a melhor coisa, além da pessoa não ter espelho é folgada, mal educada, ela mudou de cidade e outro dia veio me visitar, queria mandar no tamanho da roupa de uma menina de 16 anos estava usando na minha casa, além de já chegar falando mal de uma parente que tb é minha amiga, falando mal da irmã, me criticando por uma foto minha que foi postada no facebook de biquine que nem foi eu mesmo quem colocou enfim em 30 minutos ela tinha causado um mal star danado e até brigou com a mãe, e pior sempre acha que é os outros o errado, foi assim com nossa amizade que pra mim era preciosa, mas para ela só valia $$$$ quando eu cortei a fonte, ela percebeu o que perdeu tentou voltar atrás mas meu sentimento tinha mudado, nós éramos carne e unha, mas vejo que amizades assim não são saudáveis, hoje tenho poucas amigas confidentes mesmo daquelas que sabem tudo da minha vida, mas são realmente pessoas que merecem minha confiança, na verdade minha amiga mais que confidente mesmo é so minha irmã, tenho outras amigas que amo muito mas não somos unha e carne. depois disso eu aprendi a ser um pouco mais reservada e a cada dia mesmo gostando de casa cheia de receber amigos, eu percebo que é bom manter um certo distanciamento, nem sempre as pessoas gostam tanto de vc mas do que vc pode proporcionar a elas e isso eu to aprendendo a duras penas.

    Bjs

    Gélia

    ResponderExcluir
  8. Olá Vi!
    Infelizmente as amizades hoje em dia são na base do interesse, geralmente naquilo que temos para oferecer...
    Isso é muito triste, na verdade não sabemos quem são nossos amigos e quem são os conhecidos, estão tudo junto e misturado...
    Bjss

    ResponderExcluir
  9. Oi Vi... Eu descobri isso cedo, descobri que minha mãe sempre teve razão, ela dizia que "amigo, é dinheiro no bolso", é a mais pura verdade, enquanto eu bancava tudo, vivia rodeada de "amigos", mas quando abri meus olhos e parei, fiquei sem ninguém!
    Mas o pior de tudo, pra mim pelo menos, é quando acontece isso na família, a gente se desdobra em mil, pra ajudar, pra agradar, enfim , pra ser amada, e o que recebe em troca... pura ingratidão!
    Mas consegui resolver isso também, peguei as únicas pessoas que importam na minha vida, e vim embora para os Estados Unidos, foi a melhor coisa que eu já fiz na minha vida!!!!
    Fugi de tudo e de todos!!! E hoje sou muitooo feliz!!!
    Desculpe-me pelo "jornal", mas é que esse assunto tem muito haver comigo...hahahahaha
    Mil Beijos!!!
    Helen

    ResponderExcluir
  10. OI, Vi querida !!
    Puxa, este texto é perfeito ! Estou vivendo uma situação assim, e o pior com uma pessoa da família... que não tem espelho em casa e ainda se faz de vítima... é muito triste mesmo quando isso acontece, estou sofrendo,mas vamos seguindo tentando superar, né?
    beijos com carinho
    Helena
    www.diaadiacorridinho.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Vi... olha só pra mim as vezes é dificil separar voce da Lia.... sempre penso nas duas juntas.... na verdade acho que voces se completam e o que falta em uma a gente acha na outra.... (será essa o segredo de tanto carinho para com vo6???) kkkkkkkk
    Também não gosto de discussão... Marido diz que só sei gritar com ele, mas na vdd acho chato mesmo discutir... prefiro me afastar , mas também não sou perfeita ne?
    Confesso que por muitas vezes senti "ciumes" aqui pelas redes sociais, achando que alguem não gostava tanto de mim assim, como eu gostava, mas graças a Deus a gente evoliu e "tiras as fraldas" (achei otimo isso, kkkkkk) e hoje em dia procuro usar a internet só pra coisa que me faça bem,

    Um super beijo querida e inte.

    Blog da Gullo

    ResponderExcluir
  12. Renovar faz parte, assim como se faz no jardim, podamos o que excede para que o restante frutifique.Amei o texto e roubei um trecho para minha página. Parabéns pelos teus múltiplos dons, engenheira, magaiver e escritora! Beijoooo https://www.facebook.com/AGenteEscolheSerFeliz/photos/a.388996271161730.88111.191292770932082/687622001299154/?type=1

    ResponderExcluir
  13. Oi Vi,também não sou tão popular como minhas irmãs nas amizades,tenho poucas e amigas mesmo só as minhas irmãs...tenho várias conhecidas/colegas que fui fazendo aos poucos por ter trabalho em vários lugares,gosto de manter contato,mas sei que a amizade verdadeira não existe atê por falta de tempo e porque o contato acaba sendo através da internet e isso na maioria das vezes é mais frio/contido,isso não quer dizer que eu não ame quando encontro essas pessoinhas,pelo contrário adoro quando a vida se encarrega de me por frente a frente com essas conhecidas/colegas e de um ano para cá isto esta acontecendo com frequência,dou graças a Deus por isso...são encontros que me alegram ,me empolguei kkkk...Vi não consigo pensar na Pepa sem pensar em você,meu carinho é das duas...beijão no coração das duas manas mais arteiras que conheço na blogosfera...e quem sabe um dia eu não conheça vocês pessoalmente já que moramos em Sampa,bjs...fui...

    ResponderExcluir
  14. Respondendo a pergunta la no Espelhando:
    sim, sou eu la na foto da postagem.
    Quanto a sua postagem: é verdade que quando amamos mais
    que somos amados, nos decepcionamos mesmo.
    Eu tenho poucos amigos, amo sem cobrar ainda que eles
    sejam injustos comigo.
    Amar é quase idiota, mas é bom amar não?
    So que meu amor próprio esta em alta e eles não valem mais que Eu,
    somos IGUAIS
    e quando eles esquecem
    eu to atenta e me faço lembrar.
    Bjins
    Catiaho Alc. la do Espelhando.

    ResponderExcluir
  15. Oi Vi, concordo com tudo que você disse e hoje em dia as pessoas não estão dispostas a investir tempo, dedicação, afeto e ternura em uma amizade, querem só receber, mas doar não!
    Fica em paz viu, não esquenta a cabeça não que esse mal estar de romper o relacionamento de amizade vai passar...
    Beijokas.

    ResponderExcluir
  16. Olá queridas

    Vi, hoje em dia é difícil uma pessoa que não tenha passado, por esse mal, com amizades.

    A gente sofre, mais passa.

    Quanto a voce e Pepa, gosto demais das duas, pois voces são incríveis, cada uma com seu jeito.

    beijos carinhosos

    Regina Célia

    ResponderExcluir
  17. Oi Vi. Entendo o que disse. Às vezes sofro quando tenho de abandonar uma dessas "amizades".
    Como diz a música que o Lulu Santos canta: Tudo que cala fala mais alto ao coração". Eu a amo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Oi Vi !

    Esse post foi tão bom! Está me dando o que pensar...
    Ando meio estremecida com uma amiga muito querida. Sinto que não lhe dei o apoio necessário numa questão e agora fico sem jeito de "chegar". Isso tem me incomodado porque fico pensando em como me desculpar. Agora fico a pensar, será que ela quer? Já liguei algumas vezes e ela não deu retorno.
    Eu raramente discuto ou brigo com uma amiga. Se tem uma questão, dou um tempo, deixo as cabeças esfriarem e aí nada como uma boa conversa. Acho que estamos nesse platô, da espera...

    E você e sua irmã se completam, uma é um pouco mais expansiva e a outra um pouco mais retraída, mas as duas tem um coração enoooorme!

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  19. Vi, também te amo.....imagino que seja mais introspectiva, pensa antes de falar, escrever, agir. Isso é uma virtude e das grandes. Não deve fazer muito "barulho", observa mais, mais não creio que isso faça com que as pessoas gostem menos de você. Talvez haja diferenças entre o seu modo de ser e da Lia, mas isso é com todo ser humano. Cada um tem seu jeito, que não é certo ou errado, é apenas o jeito de ser de cada um. Quanto a dar um basta em algumas amizades, chega um determinado momento da vida que vamos ficando com aquelas pessoas que realmente valem a pena, o resto, é resto. Sabe aquele ditado que diz: os verdadeiros amigos cabem nos dedos de uma mão? Pois é....e eu diria que as vezes não chegam nem a cinco.....Nossa, chega né. Bjs linda

    ResponderExcluir
  20. Acho que aquela famosa frase: " A fila anda" tb serve pra amizade, sim.
    A partir do momento em que a pessoa se preocupa mais em ficar de mimimi do que tudo, é hora de rever esta amizade. As coisas mudam, assim como as pessoas mudam tb... evoluem (ou deveriam... hahaha!).
    Tenho uma amiga (pelo menos eu a considero 'ainda' uma amiga) que vive questionando pq não curto os posts dela no "Feice". O motivo em si já é banal, mas ela nem passa pela minha página tb... hahaha! É o que vc disse: a amizade é uma via de mão dupla. Não que eu ache alguém mais ou menos amiga pq curte e tals... foi só um exemplo. rs
    A vida não para e o mundo não gira em torno de ninguém exclusivamente, né!
    Pra variar, ótimo post. E eu não te acho menos carinhosa que a Lia. Cada uma tem um jeito e vc tem o seu jeito especial.
    Bjns
    :)

    ResponderExcluir
  21. Oi Vi,
    Vc falou tudo que eu queria ouvir...estou passando por uma saia justa com uma amiga (logo, logo será ex), aff!!! a gente acaba cansando de tanta futilidade e como disse a Cici, muito mimimi... às vezes penso que estou intolerante, mas vejo que não!
    Força! vc não está só!!
    Um beijo

    ResponderExcluir
  22. Vi,
    Adorei o seu texto. Tambem penso assim mesmo. Amizade tem que ter vim dos dois lados. E além disso tem que se ter respeito. Sem invejas, sem picuinhas. Esse inicio do ano fiquei bastante triste, eu pensava que tinha uma amizade com uma "amiga" de infância e ela com uma mente doentia, começou a inventar coisas sobre mim. Disse que eu estava namorando o ex dela. Só que o ex dela eu só vi duas vezes na vida e isso há 4 anos atrás. Ele nem do nosso meio social vive! Tem nem como eu encontrar no meio da rua! Doente, invejosa.... E eu na maior inocência! Soube dessas conversas por outras pessoas e fiquei muito triste, tentei conversar mas ela disse que não podia desmentir o que tinha falado, mas que era coisa mesmo da cabeça dela e o tempo ia resolver isso! Pena, pois eu achava que era amiga dela. E amiga mesmo! Mas não tem como... É a vida. Ela podia ter falado comigo antes de sair e ficar falando besteiras por aí! Louca total! E agora ela é uma ex amiga! :))
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  23. Que dureza hein, Virgínia ! É muito triste quando o outro comecar a se revelar verdadeiramente. Mas afinal são os outros que mudam ou nós que mudamos? Comecamos reconhecendo os problemas e nós mesmos encontramos desculpas aceitáveis com objetivo de proteger o outro. Até que um dia nossos próximos argumentos tornam-se escassos e aumenta o desconforto com a relacão. Tomar a decisão do "basta"equivale a cortar a própria carne, sangra, dói mas o tempo cura. Sentimos que podemos viver bem com a ausência daquela pessoa. A cicatriz que fica é o aprendizado. Fica bem Virgínia, vai passar ! Bjim!

    ResponderExcluir
  24. O problema é que muita gente esquecequeem qualquer relação tem que dar importância ao lado do outro também e não ficar achando que o mundo gira ao redor delas.
    Beijo
    Letícia
    www.leticiapsicologa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Lindo desabafo! Toda relação na vida é troca, paciência, entendimento e aceitação! Mudanças as vezes são necessárias.... mas temos que ser e gostar mais de nós mesmo! Agora te digo: verdeira amizade nunca se vá, sempre fica!

    ResponderExcluir
  26. BOM DIA, COLEGA VI!
    LINDA POSTAGEM E LINDO PONTO DE VISTA. REALMENTE, É MAIS FÁCIL APONTAR OS DEFEITOS DOS OUTROS DO QUE REPARAR NOS PRÓPRIOS DEFEITOS. TEM MUITA GENTE ASSIM, INFELIZMENTE... É POR ISSO QUE SE TORNA NECESSÁRIO AMARMOS A NÓS MESMAS EM PRIMEIRO LUGAR, PARA DEPOIS AMARMOS ALGUÉM. SÓ APRENDENDO A ENXERGAR QUEM SOMOS NA REAL É QUE APRENDEREMOS A VER O QUÃO ESPECIAL E ÚNICAS SÃO AS PESSOAS AO NOSSO REDOR.
    DÊ UMA PASSADINHA EM "GAM DOLLS (2)". A POSTAGEM DE HOJE ESTÁ EMOTIVA E MUITO ESPECIAL.
    TENHA UMA LINDA SEXTA E UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA.
    ABRAÇÃO PRA VOCÊ.

    ResponderExcluir
  27. Olá Vi!
    Adorei seu post...disse tudo!!!
    Eu acredito que o mundo está de cabeça para baixo, pq as pessoas simplesmente acham q. as pessoas são descartáveis!!!!!
    Acredita q. quantidade é melhor do que qualidade!
    E realmente tudo depende de como fazemos!!!!
    E de como vemos cada situação, de acordo com tudo q. já vivemos!!!!
    Linda Sexta!

    Um super bjo!

    Alê- Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  28. AMIZADE É UMA ~VIA DE MÃO DUPLA....E PARA QUE SE FORTALEÇA NENHUMA DAS PARTES PODE ULTRAPASSAR A FAIXA DO OUTRO NÉ...INFELIZMENTE SOU UMA PESSOA DIFÍCIL DE RELACIONAR, APESAR DE MUITO EXPANSIVA, E COM ISSO NÃO TENHO AMIGAS/OS, SÃO MAIS COMO COLEGAS DE TRABALHO, DE RUA, .....ENFIM....QUANDO NOS FAZ MAL NÃO É MAIS AMIZADE...BJS

    ResponderExcluir
  29. Vi, eu gostei demais do post. Infelizmente as pessoas sempre querem o caminho fácil e a amizade é tão complexa como um casamento. Acho que muitas vezes a gente confia um segredo mais profundo a uma amiga do que a um parceiro.
    Mas é claro que envolve dedicação, doação, compreensão... Aí é que o bicho pega....
    Quando a gente consegue enxergar as pessoas como elas são, penso que é um sinal de maturidade. E também acho muito melhor se afastar de uma "amizade" assim, do que ficar carregando mágoas.
    Um grande bj

    ResponderExcluir
  30. Vi- Eu penso que se não dá o melhor é cortar logo o mal pela raiz, pode doer, mas passa.....
    Pepa. sim o coração é primeiro aplicado com o proprio ponto que enfeita a bordinha do mug-rug, depois com ponto escondido dei uma cosidinha para não levantar e ficar feio. Beijinhos para as duas. Pinta

    ResponderExcluir
  31. Olá minhas amigas, Vi não se estresse, concordo contigo o melhor que se tem a fazer é se afastar, eu também faço isso.
    Bjos tenham um ótimo fim de semana e vamos ser feliz, e viver as coisas boas da vida, não perca seu tempo com rabugice de certas pessoas.

    ResponderExcluir
  32. Vi querida,
    Você tem arrasado nos textos!Fico feliz porque tem coragem de falar a verdade(ainda que não seja a
    dona)na vida da gente aparece muita mala sem alça e é por isso que eu não estou nem aí como
    disse a Cici a fila anda.Vocês são criaturas que muitas gostariam de ser ex;amigas,carinhosas,
    fieis,super prendadas e o melhor que tem caráter e vamos viver a vida,sempre pensando que
    Deus é maior, aprendo muito com vocês.Um ótimo final de semana.
    Grande beijo

    ResponderExcluir
  33. Tudo verdade Vi...
    O que eu aprendi...foi que eu, como aquariana que sou...queria levar todo mundo até o fim da vida...mas tem pessoas que vão com a gente até a página 02 outros até a 20...e outros aparecem lá pela 120..rss.
    Não dá para levar todo mundo conosco...alguns ficam pelo caminho e isso é salutar...
    Tem gente que combina com a gente até que a gente muda e a pessoa não acompanha nossa evolução ou mudança de caminho..rs
    Enfim...
    É preciso saber deixar também.
    Aprendi a duras penas...mas hoje vivo bem com isso.
    Pessoas que eram minha melhor amiga pra vida toda...hoje não fazem mais parte da minha vida e tudo bem...faz parte...rs
    Beijos
    E quanto ao amor, amo você e Pepinha igualmente é igual a filho...rsss.....são diferentes, mas dizem as mães que amam igual....lógico que tem o filho que mais se afina, mas também depende da situação o outro filho é quem a mãe chama..rss.

    ResponderExcluir
  34. Oi Vi! Entendo o que falaste, quer dizer, escreveste. Também tive uma decepção muito grande com uma grande amiga, minha melhor amiga por anos e anos, até ela se mudar para os EUA. Continuamos muito amigas mesmo depois da mudança dela, nos vemos todos os anos quando ela volta ao Brasil mas com o passar do tempo, as diferenças foram aparecendo e apesar de continuar adorando ela, sei que estamos muito diferente, apesar da nossa longa e feliz convivência por toda a infância, adolescência e parte da juventude. Não rompi com ela, apenas acordei e vi que a minha melhor amiga agora tem outro estilo de vida, outros objetivos, educa a filha de uma maneira que não me agrada e talvez, como tu mesma comentaste na postagem, ela também ache que eu estou diferente e o meu estilo de vida não agrade a ela. Que bom que moramos longe uma da outra assim, quando ela vem, a gente sai para jantar, almoçar, ficamos um pouco juntas matando as saudades dos velhos tempos, descobrindo mais diferenças e quando isso acontece: tchau! Bjinho! Até o ano que vem! Mas que foi um baita desencanto, isso foi! Não sou nenhuma filósofa, muito menos tenho a pretensão de sair distribuindo conselhos para meio mundo, mas uma das coisas que aprendi na vida e tenho como um mandamento para mim é "aceitar as diferenças". Desde que adotei essa frase na minha vida, tem sido mais fácil o convívio com as pessoas. Porque vamos ser francas, é difícil entender umas figuras, né? Bom final de semana! Ah! E eu gosto das duas igual, tu e a Pepa!

    ResponderExcluir
  35. Nossa Pepa, que bom esse texto , tava precisando disso...bjs pro 6!
    Feliz dia das mães! Nina

    ResponderExcluir
  36. Verdade pura esse post, sempre pensei assim, todo mundo tem defeitos e qualidades, basta saber se as qualidades superam os defeitos, tenho amigas metidas a besta, mas quando se vê de mais perto, o grande coração supera, tenho amigas que gostam de reclamar da vida, mas que te dão a mão quando você também precisa reclamar, tenho amigas que falam demais ou muito pouco, mas sabem ponderar o calar e o falar quando é preciso, esse é o ponto em qualquer relação, tenho uma amiga que é casada com o próprio Sherek materializado, com toda falta de educação e tudo mais, mas é um cara com um coração enorme, gentil e justo, então a "casca" não conta, mas sim o que a pessoa transmite e quando a gente descobre que pensávamos que era uma coisa, mas era outra, a mascara cai e vemos tudo! Infelizmente, nem sempre a pessoa tem o melhor pra mostrar e nos decepcionamos, mas seguimos em frente e com fé, ainda temos boas surpresas.
    Bjs mil!

    ResponderExcluir
  37. Falou e disse, Vi! Como sempre, adoro seus textos. Gente que não tem nada a ver com a gente, a gente deixa pra lá! rsrsrrsrs Há diferenças que são toleráveis e que conseguimos conviver, qdo há outras coisas relevantes num relacionamento; outras diferenças são intoleráveis. E como tem gente esquisita! rsrrsrsr Meu lema é ser feliz, viver e conviver com o que me deixa feliz, sem provocar infelicidade nos outros! E todo dia é uma tentativa, pois não temos receita de viver. Bjs e tenham um lindo dia, adoro vcs!

    ResponderExcluir
  38. Vi
    se a amizade for verdadeira, não se rompe. Ela reata em algum momento da vida.
    Mas se não vale a pena no momento, o desgaste pode ser evitado antes que as mágoas se fortaleçam.
    Quanto a popularidade das pessoas, cada um é cada um.
    Uns são mais populares, outros são mais centrados. Isso não quer dizer que não seja amado ou acarinhado.
    Seu post é bonito e sincero. Nos dá um alerta sobre o investimento de tempo que podemos fazer quanto a uma amizade . Nem tudo vale a pena. Seguir em frente, as vezes é a melhor opção.
    bj Zizi



    ResponderExcluir
  39. Vi, não consigo separar vc da Pepa.
    A Pepa escreve bons textos, que me fazem rir.
    A Vi escreve bons textos que me levam a pensar.
    Gosto de vocês igualmente, uma completa a outra.
    Sou muito amiga e sofro se não consigo a empatia com uma pessoa, já corri atrás, já pedi amizade (sim, pedi!) e não fui aceita. Ainda dói, mas tá passando...rsrs
    Para mim, ler as duas é sempre um prazer.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  40. Beleza de texto! Gosto de graça mesmo, fico feliz só por isso...Se houver empatia, o amor cresce e cria raízes, se não, deixo passar...Vocês duas fazem minha vida mais bonita e tenho dito, rsrs...
    Beijinhos, Ana

    ResponderExcluir
  41. Vi, disse tudo, amizade é uma troca de tudo desde energia, amor, atenção, carinho.
    Realmente tem pessoas que não se olham no espelho, Eu simplesmente me afasto dessas pessoas e nunca mais, dou chance para se aproximar, pode ser que tenha que estar com ela e a tratarei com educação, pois, eu tenho
    Adorei você confiar na gente do mundo virtual e desabafar é isso mesmo.
    Eu mesma ja tive algumas decepções e nossa realmente doe, mas, com certeza passa
    beijokas

    PATY

    ResponderExcluir

Se você soubesse o quanto nos deixa feliz com suas palavras ,falaria mooooito mais !!!

Se você deixou um comentário e nós ainda não respondemos, não fique chateado, ás vezes demora, mas a gente chega lá !!!
Bjus 1000.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo